Outras frutas que seu pet pode consumir

As leitoras pediram, e a gente foi atrás da continuação. Depois do sucesso do primeiro post publicado aqui no blog sobre frutas para animais, a especialista em nutrição animal Geruza Silveira Machado separou mais umas frutinhas para fazer a alegria de nossos pets. Mas atenção! Nem todas são benéficas, e moderação continua sendo a chave da boa alimentação. 

Além de laranja, tangerina e mexerica, banana, maçã e coco, saiba mais sobre estas frutinhas a seguir:

Mamão
Fruta com alta palatabilidade, o mamão é fonte de vitamina A e C, cálcio, ferro, potássio e fibras, este último facilitando a digestão, mas evite fornecer em grandes quantidades porque pode causar diarréia no cão. Ofereça sem a casca e sem sementes.

Melancia
Ótima para hidratação dos cães, a melancia contém excelentes níveis de vitaminas A e C, além de bom nível de vitamina B6. Também é ótima fonte de potássio, mineral necessário para o equilíbrio de água encontrada dentro de cada célula. É fonte de fibras e de licopeno, que é um antioxidante, que ajuda a prevenir alguns tipos de câncer. Mas é importante lembrar que as sementes, por não serem digeridas pelo organismo dos animais, podem causar obstruções ou fazer mal, por isso o ideal é servir pedaços sem sementes nem casca.

Foto: Pixabay/Divulgação

Foto: Pixabay/Divulgação

Pera
A pera é uma fruta rica em Vitaminas C, A e do complexo B, além de ser rica em antioxidantes. Ela também é fonte do mineral Boro, cuja principal função é regular os níveis dos outros minerais dentro do corpo, como o cálcio, magnésio e o fósforo. Mas é importante lembrar que é necessário retirar as sementes.

Pêssego
O pêssego contém vitaminas e minerais como: Selênio, Cálcio, Fósforo, Potássio, Magnésio, vitamina C, Ácido Fólico, vitamina A, vitamina E, vitamina K, Tiamina, Niacina. Bastou, não. Ainda é rico em flavonóides e altos níveis de antioxidantes que ajuda a fortalecer o sistema imunológico. Lembrar de oferecer a fruta sem o caroço, pois este pode engasgar e contêm substâncias tóxicas.
Falando em tóxico, seguem aqui frutas que é melhor deixar longe de seu pet.

Abacate
Além de ser muito calórica, e favorecer ainda mais a obesidade de cães, o vilão fica por conta da persina, uma substância que pode causar transtornos gastrointestinais nos cães.

Carambola
Por apresentar quantidades de ácido oxálico insolúvel, pode prejudicar os rins com deposição de cálculos de oxalato de cálcio. Salivação, inapetência, vômitos, diarreia, prostração, fraqueza, tremores, presença de sangue ou cristais na urina e alterações da sede são alguns dos sintomas que podem aparecer nos cães após consumir essa fruta.

Lembre-se que todas as frutas devem ser oferecidas em porções moderadas, sem substituir a alimentação completa e balanceada. Quando forem oferecidas, devem ser ocasionalmente, como petiscos e sempre em pequenas quantidades.

Tenha sempre em mente que qualquer alimento em excesso pode fazer mal, mesmo no caso de frutas com tantos nutrientes e propriedades benéficas aos cães.

Na dúvida ainda? Escreva para: alimentacaoenutricaopet@gmail.com

Leia mais:
:: Frutas que seu pet pode (e deve) consumir
:: Por que você não deve dormir com seu pet