Cheirinho bom: veja cinco curiosidades sobre aromas

Você acha que sente cheiros melhor do que os outros? Isso pode ser verdade!

Ter seu perfume preferido por perto pode ajudar a aliviar o estresse
Ter seu perfume preferido por perto pode ajudar a aliviar o estresse Foto: Jean Pimentel

Um bom perfume, uma roupa com cheirinho gostoso: todos somos fanáticos por aromas. Donna reuniu cinco fatos sobre eles que podem lhe surpreender. 

1. Mulheres percebem melhor os cheiros do que os homens: as mulheres têm um olfato mais apurado, que permite que identifiquem mais facilmente uma variação de aromas, como o cheiro de algo estragado na geladeira. Da próxima vez que você e seu marido discordarem sobre o leite ter azedado ou não, pense duas vezes antes de acatar a opinião dele.

2. Aromas despertam memórias antigas: um cheirinho de terra molhada lhe faz lembrar de brincadeiras na casa da avó? Isso acontece porque os aromas despertam memórias mais antigas, algumas concentradas na primeira década de vida. É diferente da memória visual, que armazena informações mais recentes.

3. Cheiros bons lhe deixam feliz: cheirar algo que você adora desperta no seu cérebro a sensação de que você está curtindo um momento bom. Para se sentir assim sempre, vale deixar na gaveta da mesa de trabalho um frasco com miniatura do seu perfume preferido, abrir e sentir o aroma de vez em quando, especialmente em momentos de estresse.

4. Todo mundo sente aromas de um jeito diferente: nem todos conseguem sentir um aroma. Já aconteceu de sentir um cheiro ruim e uma amiga não perceber? Isso acontece porque algumas pessoas tem “pontos cegos” para aromas e sentem mais uns do que outros.

5. Há menos aromas do que você imagina: a natureza não é tão rica em aromas quanto você pensa. Perfumistas consideram que existem entre sete e dez aromas principais. Os demais são artificiais. Os perfumes que você compra, por exemplo, são criados com base em uma série de aromas criados em laboratório. 

Leia mais
Comente

Hot no Donna