Dicas para disfarçar a diferença de texturas na transição capilar

Clara Rocha - @leuxclair / leuxclair.com.br
Clara Rocha - @leuxclair / leuxclair.com.br

Quando a decisão por passar pela transição é tomada, sabemos que nosso cabelo ficará com duas ou mais texturas, normalmente uma parte bem lisa e outra ondulada com volume (normalmente os cachos demoram para se formar, por conta da parte lisa ser mais pesada). São meses ou anos para o cabelo crescer uma altura que estejamos confortáveis para fazer o big chop (eliminar toda a química) e ficar finalmente só com os cachos que nos pertencem.

12049247_736962956447292_5358478180070166224_n1-e1455893961908

Ster Nascimento (Desventuras de uma cacheada)

A decisão de abandonar a química é algo maravilhoso e faz bem para a nossa saúde, porém requer muita paciência e truques para que a passagem pelo processo de transição capilar seja tranquila. Esse momento passa mais rápido do que podemos imaginar, mas, por experiência própria, é bem chato. Por isso reuni 6 dicas para que tudo seja levado da melhor maneira possível.

1 – Texturização para a parte cacheada:

Moldar o cabelo é a melhor maneira de passar pela transição. Podemos fazer isso com o uso de acessórios como bigudin, rolinhos, elástico e ainda babyliss para deixar a parte lisa cacheada ou trançando e torcendo os fios com uma quantidade de creme razoável.

Resultado de imagem para texturização cabelos

Cabelo torcido. Youtube/Reprodução

Imagem relacionada

Texturização com bigudins.

Resultado de imagem para babyliss em cabelos afros

Uso de babyliss. Fabiano Cerchiari

Para o uso do babyliss o cabelo deve estar bastante hidratado, porque o calor pode queimar e danificar os fios.

2 – Texturização para a parte lisa:

Resultado de imagem para flat iron hair

Youtube/Reprodução

Não tem jeito, a chapinha entra em ação. Da mesma maneira que para o babyliss o cabelo deve estar mega hidratado, para a chapinha também, já que sua temperatura elevada diretamente no fio pode quebrá-lo e ressecá-lo. Ela pode ser usada para fazer cachos também.

3 – Finalização capilar:

Ana Lídia | apenasana.com.br

O jeito de finalizar um cabelo liso e cacheado são bem diferentes. Na transição, o melhor a fazer é finalizar como se todo ele estivesse cacheado, ou seja, colocar um creme para cachos em todo o cabelo, realizar a fitagem (técnica que separa os fios e passa creme em todo e ir amassando bastante o cabelo, até que fique bem ondulado e durinho com o creme. Provavelmente vá durar menos, coloque um fixador em spray ou gelzinho.

4 – Aplique:

Resultado de imagem para aplique cacheado

Ana Lima

O cabelo cacheado e crespo é bem mais volumosos que o liso, sendo assim, a sua raiz estará bem inchada, ao contrário do comprimento do cabelo. Para equilibrar essa diferença, o uso de aplique de tic tac é uma boa opção.

5 – Penteados:

Resultado de imagem para penteados transição

Youtube/Reprodução

Penteado é o que não falta para fazer. A dica é: vá no Pinterest e veja muitos deles, seja coque, rabo de cavalo, trança e muito mais. Há dias que a diferença de texturas está muito gritante mesmo e só um penteado vai disfarçar bem.

6 – Trançar o cabelo:

A box braids é uma opção bem estilosa para passar pela transição.

Resultado de imagem para box braids

Amanda Mendes/Instagram

Leia mais
Comente

Hot no Donna