Diga adeus ao frizz nos cabelos

(Crédito: Divulgação)
(Crédito: Divulgação)

Por Rossana Silva, especial

 Pouco antes de conversar com Donna para esta entrevista, a cabeleireira Daiane dos Santos Barbosa atendeu a uma cliente que chegou ao Espaço Dellas Beauty Bar, em Porto Alegre, reclamando justamente do tema desta página: como domar aqueles fiozinhos arrepiados que ficam em evidência?

Esta é uma das queixas mais frequentes nos salões de beleza. E há casos nos quais o incômodo estético pode ser ainda maior, como quando o nascimento de fios novos forma uma espécie de faixa de cabelos curtinhos no contorno da testa. E insistem em não se adaptar ao penteado. Para os dois casos, o remédio é o mesmo: hidratação.

– Quando ocorre o frizz é porque o cabelo está desidratado. É um cabelo novo que nasce sem nutrição. Recomendamos fazer a reconstrução, hidratar e usar continuamente produtos que fazem esses fios baixarem – explica a cabeleireira.

O processo costuma ser dividido em duas fases. A primeira, da reconstrução, trabalha a parte interna do fio, dando força para que ele não quebre. No segundo passo, geralmente aconselhado para o dia seguinte, aplica-se a máscara que vai proporcionar brilho e maciez à parte visível do fio. O resultado completo pode demorar cerca de três semanas para ser observado. E, dependendo da estrutura do fio, novas visitas terão de ser agendadas ao salão. Em todos os casos, há um tema de casa com a aplicação de produtos que vão dar continuidade ao tratamento.

– Sempre temos cabelo novo. Vem um fio nascendo e outro caindo. O novo empurra o velho. Reconstruído e hidratado, o cabelo tem vida mais longa, evitando a queda precoce que pode dar origem a fios que tendem a ficar frisados – afirma Daiane.

No caso do cabelo que cresce ao redor da testa, o cabeleireiro Rogério Martinez, da RhedCo, sugere, além da hidratação, penteados com franja que disfarçam os novos fios. Em último caso, se estão muito arrepiados, quase crespos, é indicada a selagem apenas dessa parte dos fios.

– Algumas pessoas têm esses fiozinhos sempre, e eles nunca crescem mais do que dois dedos. É preciso analisar cada caso para decidir se a selagem é a melhor alternativa. É uma solução que deixa o cabelo mais assentado e fácil de usar – destaca Martinez.

Baixe os fiozinhos
Veja produtos indicados pelo cabeleireiro Rogério Martinez para diminuir o frizz
Creme hidratante para pentear Moroccanoil
Utilize sem enxague para hidratar e reduzir o aspecto “elétrico”
cremehidratantemorocconoil
Diamond Oil Redken
Tratamento intenso para cabelos com química para ser usado na extensão do fio, jamais próximo à raiz
 redkendiamondoil
Color & Moisture (Spray Conditioner Essensity Schwarzkopf)
Creme sem enxágue para hidratar e amenizar o frizz de cabelos crespos
 essensity

ATENÇÃO! Coloração e mechas são fatores agravantes do frizz. Capriche na hidratação para não deixar que os fios se quebrem e fiquem arrepiados.

Leia mais
:: Parece mágica: tinta faz cabelo mudar de cor a cada jato do secador
:: Tipo Scarlett! Celebridades trazem de volta à moda os cabelos curtinhos
:: Chapinha promete clarear cabelos em 10 segundos

 

Leia mais
Comente

Hot no Donna