Fio emana é a nova promessa para reduzir celulite

Material é usado em calcinhas, bodies, bermudas e tops e já foi aprovado pela Anvisa

Nova tecnologia foi a sensação do último Salão Moda Brasil
Nova tecnologia foi a sensação do último Salão Moda Brasil Foto: divulgação

Na hora de escolher a lingerie, as mulheres querem conforto e beleza, mas se puderem usufruir de um benefício a mais, como diminuir a celulite, por exemplo, fica perfeito. É o que prometem as peças produzidas com o fio emana, da Rhodia. Grandes marcas apostam em uma variedade de calcinhas, bodies, bermudas, tops. Tudo para ajudar a reduzir o famigerado efeito casca de laranja na pele. A promessa é redução de um grau de celulite a cada 60 dias. Mas pra isso é necessário usar peças fabricadas com o fio milagroso durante 6 horas diárias, no mínimo.

O processo no organismo parece simples. O calor emitido pelo corpo ao entrar em contato com o tecido faz com que sejam emanados cristais bioativos. O calor é devolvido ao corpo na forma de raios infravermelhos longos, ativando a microcirculação e diminuindo os sinais de celulite.

E não foram poucas as peças apresentadas no maior evento voltado ao mercado de roupas íntimas, o Salão de Moda Brasil, em São Paulo. Grande parte delas deve chegar ao mercado em agosto, mas já tem uma legião à espera da tecnologia que promete milagres.

Embora não haja toxidade, porque o processo desencadeado é físico, e nenhum material estranho à pele é expelido, o fio entra na área da cosmética e foi submetido à aprovação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Outra presença forte no salão foram as peças que deixam o corpo com as curvas marcadas e colocam cada gordurinha em seu lugar. O apelo estético fica por conta do que não se vê, como cortes a laser e ausência de costuras.

 

Leia mais
Comente

Hot no Donna