Lóbulos das orelhas rasgados? Conheça as soluções (temporárias e definitivas) para o problema

Olivia Grace, reprodução
Olivia Grace, reprodução

Você, como a maioria das mulheres, não vive sem brincos? Pois o acessório, quando é muito pesado e usado repetidas vezes, pode causar problemas como o furo das orelhas rasgadinhos ou alargados demais.

Reunimos aqui as alternativas possíveis para tratar esta situação (e você poder voltar a usar brincos nas orelhas). Mas lembre-se: caso volte a usar brincões enormes, o problema pode retornar.

  1. Cirurgia

A reconstrução do lóbulo da orelha pode ser feita de forma cirúrgica. O furo será “costurado”. Não dói e normalmente é feita com anestesia local, ambulatorialmente. Dependendo da complexidade do problema, também pode ser realizada com uma sedação anestésica em ambiente hospitalar e com a presença de um anestesista, explica o cirurgião plástico Luiz Felipe Reis, da Clínica ArtSculp (RJ).

Bebe_9
A pessoa pode voltar a furar a orelha depois? Segundo o médico, sim. Mas isso depende muito da cicatrização de cada paciente. Após três meses é feita uma nova avaliação. Caso a mulher queira furar novamente, pode ser bem do ladinho do furo anterior.

O tempo de recuperação é de três meses após a cirurgia. Já a cicatrização completa pode durar até um ano. O valor do procedimento é de R$ 2 mil até R$ 10 mil (se houver internação hospitalar) | Preços do Rio de Janeiro.

 

2. Adesivos

IMG_3856
Pequenos adesivos como estes da foto aliviam a tensão e o peso dos brincos, posicionando-os perfeitamente no lóbulo da orelha (atrás). O item permite o uso de brincões mais pesados, pois segura o acessório.

0001851588426_500X500

Donna testou os Fashion Dots, da marca That Girl, e os Lobe Wonder, à venda na Yolo Acessórios. São envelopes com 40 adesivos. Cada par pode ser usado de 3 a 5 dias nas orelhas.

 

lobe-wonder-solution-to-droopy-ear-lobes

 

3. Brincos de pressão

Se você não quer recorrer aos itens anteriores, uma solução é começar a usar brincos que não necessitem de furos, isto é, os brincos de pressão. Vários designers costumam ter linhas com esta alternativa – é verdade que não é tão fácil de encontrar por aí, mas em grandes lojas de departamentos sempre estão por lá, disfarçados entre os modelos com tarraxas. Grifes como Dior, Swarovsky e Camila Klein (fotos abaixo) têm opções de brincos de pressão disponíveis em seus sites.

brincosss

Leia também
:: Truques e dicas para aumentar, levantar ou firmar os seios sem colocar silicone

Leia mais
Comente

Hot no Donna