10 passos para mulheres ganharem mais

Pexels
Pexels

Ganhar mais, quem não quer? A maioria de nós busca isso se dedicando mais, estudando mais, trabalhando mais. No entanto, pode não ser suficiente.

Muitas mulheres, por exemplo, costumam achar que fazendo bem o que tem que ser feito é o suficiente para avançar no mercado corporativo. Não é bem assim, de acordo com Denise Damiani e Cyntia de Almeida, autoras do livro Ganhar mais, gastar menos e investir, o livro do dinheiro para as mulheres. Segundo elas, a remuneração tende a aumentar quando entendemos o próprio valor pessoal, divulgamos o trabalho que está sendo feito e nos mantemos conectados com “mentores”, ou seja, pessoas que verdadeiramente possam nos ajudar a crescer no ambiente corporativo.

Muitas mulheres acham que o resultado do trabalho fala por si só e que é “feio” falar em dinheiro. Inclusive, estudos recentes comprovam que ao receber uma oferta de emprego, na grande maioria dos casos, a mulher aceita o primeiro salário que lhe é oferecido, diferentemente dos homens que negociam.

Para mudar isso, vamos falar de dinheiro, de remuneração e encontrar o caminho para ganhar mais. A coluna separou os 10 passos ensinados no livro do dinheiro para as mulheres. Em síntese, são pequenos esforços que repetidos dia após dia podem fazer uma grande diferença na sua vida e, inclusive, no seu orçamento.

1. Valorize-se desde o princípio
Se possível, comece negociando o valor que irá cobrar pelo seu trabalho. Convém avaliar se há margem para subir o valor, mesmo se não for possível é importante que fique claro seus interesses quanto à remuneração.

2. Conheça o terreno como a palma da sua mão
Saiba se tem muita gente fazendo o que você faz, quanto é pago, quem paga, se é uma onda passageira ou se tem potencial de crescimento, por exemplo. Essas são algumas das perguntas que pode começar se fazendo. Além disso, converse com 15 a 20 pessoas próximas e tire daí uma reflexão positiva sobre o seu mercado repetindo as questões-chave para ficar mais clara a situação no seu nicho.

3. Diga sim ao trabalho, às pessoas e ao sucesso
É preciso aceitar os desafios que resultem em sucesso e visibilidade e otimizar seus esforços e seu tempo. Abrace missões desafiadoras e não se esconda atrás de pequenas tarefas que ocupam seu tempo. Quando a gente gosta do que faz é mais fácil encontrar entusiasmo e motivação.

4. Não tenha vergonha de se vender
Não adianta ter uma ideia incrível, batalhar ou fazer um trabalho excepcional se não souber vender. Não seja modesta em relação à sua qualificação ou às suas realizações. Vender ou se vender é uma questão de sobrevivência. Ache o seu jeito, o importante é comunicar.

5. Cultive relacionamentos positivos
Significa criar laços e alianças com outros profissionais entusiasmados e dedicados ao trabalho. Procure um chefe que seja seguro o bastante para reconhecer seu valor sem temer a concorrência, nem esconder ou sabotar seu desempenho. O fluxo da positividade só traz benefícios para você e para os outros. Troque, compartilhe, se aproxime de quem admira.

6. Procure um mentor
Um mentor é um profissional da sua área que tem mais experiências e que se dispõe a orientá-lo em sua carreira. Cultive essas relações. Outra forma de ter um mentor é por meio de livros, ler biografias de empresários ou profissionais de destaque pode não se reverter em ganhos diretos, mas traz insights valiosos sobre estratégias e atitudes que podem virar vantagens para você.

7. Esqueça a linguagem dos sinais
Tudo o que você quer deve ser dito claramente e direcionado à pessoa certa. Se você deseja subir na empresa, assumir novos desafios, expandir seu negócio ou mudar de rumo, seja direta. Expresse sua vontade. Se estiver com medo de ser considerada agressiva, saiba que assertividade e agressividade são bem diferentes.

8. Não se perca no meio do trajeto
Essa dica é importante especialmente para quem tende a se perder em algum ponto do caminho, seja por falta de meta ou foco. Para saber se está no caminho em direção a maiores ganhos, peça feedback e saiba ouvir o que seus chefes têm a dizer. A reposta revelará os próximos passos dentro ou fora da empresa que está, na tarefa que executa ou em outros caminhos que ainda vai buscar. Ouça!

9. Cuide do emocional
Para ter sucesso é fundamental treinar sua capacidade de ouvir negativas sem se deixar abalar. Isso é especialmente verdadeiro quando lidamos com vendas – seja de produtos, serviços ou da própria imagem. Temos que aprender a ouvir muitos nãos, mas sempre partir para o próximo contato pensando no sim, que deve estar no nosso horizonte sem preguiça e sem medo. A sorte vem disfarçada, muitas vezes de um não agora para um belo sim depois.

10. Mantenha sempre um lastro financeiro
A segurança financeira lhe dará a coragem para fazer movimentos arriscados, negociar condições interessantes de salário e batalhar pelo que você deseja. Essa reserva de emergência pode exercer efeitos incríveis sobre sua autoestima, poder de negociar e finanças como um todo. Além de tudo o que foi dito, lembre-se que ganhar mais é bom, especialmente se for combinado com o gastar menos e investir. Uma pessoa pode ser rica ganhando R$ 5 mil por mês e poupando R$ 3 mil em vez de alguém que ganha R$ 100 mil e gasta R$ 110 mil. Vá em frente, dê o primeiro passo e comunique o que você quer!

Leia também
:: 5 dicas para conquistar a liberdade financeira e ter dinheiro para curtir a vida
:: A tentação das liquidações: 4 dicas para não exagerar nas compras

Leia mais
Comente

Hot no Donna