Claudia Tajes: Natal com menos grana e mais ideias

Hoje a coluna apresenta sugestões de presentes de Natal que apostam no critério pequenos negócios, boas ideias. E, assim como essas, são muitas as que a gente encontra pela cidade inteira. A elas.

Para começar, uma notícia chata. Depois de 13 anos, e para tristeza da cidade, a PALAVRARIA está fechando as portas. Mas, antes do encerramento oficial, em 30 de dezembro, a livraria da Vasco da Gama vai promover um generoso festival de palestras, oficinas, workshops, aulas, saraus e leituras até o dia 22. Entre os convidados, Cintia Moscovich, Charles Kiefer, Christina Dias, Cláudia Laitano, Claudio Levitan, Daniel Galera, Gabriela Silva, Guto Leite, Jorge Furtado, Kátia Suman, Luis Augusto Fischer, Luis Paulo Faccioli, Luiz Ruffato, Paulo Scott, Reginaldo Pujol Filho e muitos outros. Informações e inscrições: fone (51) 3268-4260.

PALAVRARIA

Até breve, Palavraria

Já a BAMBOLETRAS, no shopping Nova Olaria, e as boas livrarias de novos & usados como a ERICO VERISSIMO, PALMARINCA, BECO DOS LIVROS, TRAÇA e LONDRES, entre tantas, são ótimas para um garimpo. Especial para os que não dão muita importância para o presente – até ganhar uma edição bem velhinha de Guerra e paz.

Mas fato é que a maioria dos viventes espera, sim, um presente. E, pensando fora do circuito, dá para encontrar coisas bem bacanas por preços bem razoáveis. Para as moças, a Luciana Santana, da loja de calçados, bolsas e acessórios 3 MARIAS, diz o seguinte: é preciso ter opções legais pelos valores que as pessoas procuram para amigo-secreto, por exemplo. Senão todo mundo acaba ganhando vale-CD e caixa de bombom. Na Avenida Goethe, 30. A QUINCY STORE, na 24 de Outubro, 506, é outra loja que dá um jeito de encaixar o presente na carteira da freguesa. A PANDORGA, na Miguel Tostes, 897, reúne várias marcas criativas e alternativas para todos ou sem nenhuma distinção de gênero. E para coisas bonitas em geral sempre teremos a CASA REFÚGIO URBANO, na Bordini, 232.

3 marias

Presentes bonitos até no preço: 3 Marias

Apesar do ano lazarento, houve quem empreendesse. A Bruna Ferreira e a Priscilla Guimarães criaram a marca de chás IMO, um bom presente à venda na Confeitaria Maomé ou pelo site imochaeconteudo.com. As oficinas para quem quer escrever continuaram firmes – já pensou dar de presente uma matrícula em uma delas? Quem precisar de sugestões, tenho os contatos. Um projeto bonito que anda por aí, de presente para todo mundo, é a Kombina da Chris, um ponto de cultura móvel aberto à visitação geral – e com a exposição do Museu do Brinquedo Alice no BarraShopping até 18 de dezembro.

bonecos

Museu do Brinquedo Alice: enfeitando a cidade

Boa comida, claro, não pode faltar no Natal e no Ano-Novo. Quem não quer passar as festas na cozinha pode comprar o cardápio inteiro pagando por pessoa. Na sessão Nepotismo de hoje, a COZINHA ORIGINAL (facebook.com/ClaraTajes CozinhaOriginal) tem várias alternativas de cardápio. As gurias da Comida Que Cuida (facebook.com/telecomida quecuida) apostam nas ceias saudáveis. E o Chicafundó aceita encomendas com maravilhosas sugestões até 19 de dezembro em facebook.com/chicafundo e pelo fone 51 3013-4096.

Por fim, uma lembrança. Nos próximos dias, será votada a extinção das fundações que, segundo o governo, vai trazer uma grande economia ao Rio Grande. Só que não. Em uma só canetada podemos ficar mais pobres com o fim da TVE e FM Cultura, da Fundação de Economia e Estatística, da Fundação Zoobotânica e de outras que se dedicam à pesquisa, à ciência, ao conhecimento e à cultura. Apoiar os movimentos dos servidores é uma forma dizer NÃO. A boa luta, no fim das contas, também é um ótimo presente.

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna