Mariana Kalil: Ansiedade antecipatória

Tenho certeza de que as 24 horas de um dia já foram mais longas ou já passaram mais devagar. Vinte e quatro horas eram intermináveis horas onde cabia tudo o que desejávamos ser e viver. E hoje? E agora? O que aconteceu com as 24 horas?

:: Confira outras colunas da Mariana Kalil em Donna

Lapinblanc-1-TIC TAC

Lapinblanc-1-TIC TAC

sindrome do coelhoONDE FORAM PARAR?

Tempo tornou-se artigo de luxo. Não importa quanto tempo a gente tenha à disposição: ele é sempre insuficiente. Sempre falta tempo. Vivemos na mesma cidade, mas ficamos meses (às vezes, anos) sem ver aquela amiga querida; caminhar na esteira exige apenas 30 minutos das 24 horas, mas nunca dá tempo. O médico prescreveu exames, mas cadê o tempo para marcar? Cadê o tempo para pintar os fios brancos do cabelo, para passear, para viajar, para ler, para escrever, para pensar, para almoçar?

woman question23CADÊ?

Administrar bem o tempo é conseguir operar milagres. Temos à disposição a mais alta tecnologia, que, supostamente, deveria facilitar a nossa vida. Mas continuamos desnorteadas, rodopiando sem sair do lugar, com pressa para tudo, sem entender nada e tampouco por onde começar. Dá vontade de bater a cabeça na parede, sentar no chão e começar a chorar.

crying-300x2051FEITO CRIANÇA

bento1120ELA É MUITO FIASQUENTA

A multiplicidade de atividades, possibilidades e deveres têm provocado esta espécie de estreitamento do tempo – sensação que é uma das responsáveis pela “ansiedade antecipatória”.

mulher-questionando1-202x300-336x499O QUE É ISSO, MARIANA?

Trata-se de uma das características de quem é ansioso – algo que tem a ver diretamente com quem padece da sensação de falta de tempo. A pessoa ansiosa não reconhece o quanto já conquistou. Não celebra o tanto que caminhou. Está sempre em dívida consigo mesma, se sentindo atrasada.

coelho-alice-corÉ TARDE, É TARDE…

A ansiedade antecipatória é muito bem abordada em um texto do escritor e jornalista Adriano Silva, autor do livro “Ansiedade Corporativa – Confissões sobre Estresse e Depressão no Trabalho e na Vida”, da editora Rocco. De acordo com Adriano, o ansioso é incapaz de perceber que o sucesso não é uma meta, mas um processo. Estamos sempre em movimento – e o êxito não é outro senão continuar caminhando com alegria, esperança e serenidade em direção a ele.

animais_diversos_225DEVAGAR E SEMPRE

Para os ansiosos, o que ainda falta realizar representará sempre um campo maior do que aquilo que já foi realizado – consequentemente, estará sempre faltando tempo. Só que a vida não é apenas chegar, mas caminhar. É curtir a trajetória, olhar pela janela, apreciar a paisagem. Não só focar exclusivamente lá adiante – no ponto final.

exclamationHÁ MUITAS EXCLAMAÇÕES PELO CAMINHO

Sem jamais esquecer que existem pessoas que tornam esta nossa caminhada muito mais significativa: pelo amor, pela companhia, pelo apoio, pelo carinho. Algumas entram na nossa vida para nunca mais ir embora. Outras, chegam e participam apenas de uma felicidade temporal. A sabedoria está em  identificar, reconhecer e dar valor à preciosidade de cada momento.

bento1120ELA ACORDOU INSPIRADA HOJE

olivia101MENOS ANSIOSA

mulher-doidissima5-594x4992ESTOU ME ESFORÇANDO

:: Confira outras colunas da Mariana Kalil em Donna

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna