Palmas! 5 dicas para melhorar sua performance para falar em público

Foto: TED Talks, reprodução
Foto: TED Talks, reprodução

Cientistas descobriram que o cérebro humano nunca para de crescer e estudos da neuroplasticidade revelaram que quanto mais repetimos uma tarefa, mais caminhos neurais são criados e mais fortes eles ficam. Em outras palavras, quanto mais você estimular seu cérebro mais habilidades vai ter. Ou seja, se você não nasceu com facilidade para falar em público e “vender” suas ideias, também pode ficar bom nisso.

Pense, por exemplo, na Sheryl Sandberg. Ela é chefe operacional do Facebook, autora do livro Faça Acontecer e apontada pela Forbes uma das mulheres mais poderosas do mundo. E agora lembre do Steve Jobs, que foi empresário e co-fundador da Apple, uma das maiores empresas do mundo. Você consegue imaginar o que eles têm em comum, além de serem norte-americanos?

Ambos são um dos maiores sucessos de audiência no TED Talks, plataforma que reúne palestras na internet.

 

Com mais de 7 milhões de visualizações, os vídeos deles se destacaram entre os milhares que estão na rede. O que eles fizeram? Contaram boas histórias, emocionaram, entregaram conteúdos novos e relevantes. No material deles e de outros painelistas do TED têm dicas preciosas sobre o que funciona em apresentações. Vale a pena observar como eles fazem e digo isso porque uma coisa que aprendi faz tempo é ver o que fazem as pessoas que considero bem-sucedidas e aprender com eles. Sempre acreditei na premissa de que “imitar” os bons é uma maneira eficiente de tentar ficar parecida com eles.

Para ver o que os “tops” do TED estão fazendo em suas apresentações, a coluna separou algumas dicas do livro do presidente da plataforma, Chris Anderson, ao que ele chamou de guia oficial para falar em público.

1) Mantenha apresentações curtas

No TED os vídeos têm cerca de 20 minutos. Segundo Anderson, é o tempo necessário para transmitir sua ideia e ainda ter a atenção do público. Se sua palestra for maior que isso, intercale com vídeos ou figuras para descontrair.

2) Conte histórias

Storytelling é uma palavra em inglês, que está relacionada com uma narrativa e significa a capacidade de contar histórias relevantes. Essa é a segunda dica, crie conexões emocionais com o público por meio de histórias pessoas ou situações que você considera relevantes.

3) Ensine algo novo

Neurocientistas afirmam que a novidade é a maneira mais interessante de manter a atenção dos ouvintes. As melhores apresentações revelam ideias que você nunca tinha pensado antes.

pexels-photo-325924

4) Tenha senso de humor

O senso de humor derruba defesas e deixa o público mais receptivo à sua mensagem. Seja leve, ria ou faça rir e tenha mais chance de receber apoio nas suas ideias e até fechar negócios, já que as pessoas tendem a negociar mais com quem gostam.

5) Crie momentos surpreendentes

Quando um evento é impressionante ou tocante ele se torna memorável, ou seja, acaba sendo lembrado por muito tempo. Se esforce para trazer isso em suas apresentações.

As dicas são super válidas, mas lembro que não existe receita de bolo para falar bem em público além de estudo, treino, técnica e interesse em melhorar a cada dia.

Pegue essas dicas e treine. Se juntar a repetição com a técnica e o conhecimento do que vai falar, certamente terá bons resultados. Não dizem que a prática leva à perfeição? Bora praticar!

Leia também
:: Deixe de besteira! Os 10 erros que pessoas inteligentes mais cometem no trabalho
:: Como guardar dinheiro em 2018? 5 dicas práticas para começar a poupar

Leia mais
Comente

Hot no Donna