3 motivos para assistir ao seriado “Love”, da Netflix, que estreia nesta sexta

Divulgação, Netflix
Divulgação, Netflix

A Netflix está prestes a estrear mais uma de suas séries originais, Love. Dez episódios de meia hora serão disponibilizados na íntegra no site de streaming nesta sexta-feira (dia 19). A atração promete “um novo e sincero olhar sobre os relacionamentos modernos”. Por que você deveria assistir? A gente explica:

1 | É sobre amor, mas é diferente das comédias românticas

O seriado acompanha a vida de um cara e de uma guria que se conhecem por acaso em uma loja de conveniências, o nerd Gus (Paul Rust) e a debochada Mickey (Gillian Jacobs). Juntos, eles trocam confidências sobre o que já passaram em seus relacionamentos afetivos e compartilham da esperança de conseguir evitar estes mesmos infortúnios no futuro. Gus acabou de sair de um namoro quando descobre que a ex estava pulando a cerva. Mickey está solteira também e anda de saco cheio com seu trabalho, para piorar a situação. O jovem casal fala sobre o que pensa do amor e questiona como os próprios filmes e seriados endeusam (de forma irreal) este sentimento: para eles, Hollywood ilude as pessoas de que tudo na vida a dois será lindo e perfeito. Vale a pena, então, assistir para ver até onde essa “honestidade” no tratamento do tema será respeitada.

maxresdefault

:: Assista ao trailer

2 | “Love” é escrito pelo cineasta Judd Apatow

Diretor e roteirista de filmes como O Virgem de 40 anos (2005), Ligeiramente Grávidos (2007) e Bem-vindo aos 40 (2012), Apatow tem um tipo de humor muito particular. Isso significa que Love terá o mesmo estilo de diálogos ultra rápidos, muitas citações de cultura pop e bastante ironia/acidez no texto. Nada de ficar reverenciando comédias românticas tradicionais, portanto! Seu texto promete muitas tiradas que vão cutucar a maneira como o amor é mostrado nos produtos de entretenimento. Paul Rust, o protagonista, é também o co-criador da série.

love-firstlook2

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

3 | O seriado é bem curtinho e terá continuação logo!

A primeira temporada tem dez episódios de apenas meia hora cada, ou seja, dá para matar logo de uma sentada pelo menos uns 3 ou 4 episódios fazendo um binge-watching. Encerrada a maratona, caso a gente tenha curtido a série, já existe a promessa de sequência: a segunda temporada está encomendada para estrear em 2017. Love é o tipo de seriado que promete virar hype logo nas primeiras semanas após a publicação no site, então a gente vai correr para assistir para não perder a onda!

Veja o pôster do seriado:
love-poster

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Leia também
:: #DonnaIndica: 5 séries com grandes personagens mulheres vocês que levarão ao passado
:: 4 motivos para acreditar no terceiro filme da série de Sex and The City
:: Inspire-se no estilo clássico de Claire Underwood, personagem do seriado “House Of Cards”

Leia mais
Comente

Hot no Donna