Filha de Marcos Piangers surpreende com declaração feminista no programa ‘Encontro’, com Fátima Bernardes

Aos 10 anos, a pequena Anita, filha do comunicador da rede Atlântida Marcos Piangers, arrancou aplausos por conta de declarações feministas que não deixam nada a dever para muitas adultas por aí. Ao lado do pai e da irmã menor, Aurora, a garotinha participava do programa Encontro, da rede Globo, nesta segunda-feira.

:: Crônica! Trocar a fralda é o básico, por Marcos Piangers

Questionado por Fátima Bernardes sobre como as filhas se comportam diante daquela ideia de que “rosa é cor de menina, azul de menino”, o apresentador contou que a caçula não abre mão de usar peças e até batom da tonalidade.

— Mas essa aqui já passou dessa fase e é uma feminista ‘de azul’ — completou o paizão, se referindo à filha mais velha.

Veja também
:: Entrevista! Valesca Popozuda se declara feminista e dispara: “quem é diva brilha até no escuro”
:: O caminho do feminismo de Simone de Beavouir até Beyoncé e Valesca Popozuda

:: Revelações do funk, Ludmilla e MC Mayara são as novas representantes do girl power

Sem titubear, Anita pede a palavra para expôr sua opinião sobre igualdade de gêneros:

— Quando ‘tu’ é pequena, ‘tu’ gosta de rosa e roxo. Mas quando ‘tu’ cresce pensa ‘que porcaria’, isso é uma coisa machista! Eu hoje estou de azul, não gosto de rosa!

Depois das palavras da menina, que surpreenderam convidadas do matutino como a atriz Fernanda Souza e a cantora Valesca Popozuda, Piangers brincou:

— Ela deve estar assistindo muito GNT para ter esse discurso extremamente feminista de um dia para o outro.

Leia também
:: Atriz de “Orange Is The New Black” critica pergunta de repórter do CQC: “misógina!”

Quer mais? Para finalizar, a fofa Anita ainda levantou um tópico que a gente aborda frequentemente por aqui:

— E por que não tem trocador, fraldário no banheiro dos homens? Tem só no das mulheres — questionou.

Mais tarde, o papai orgulhoso ainda se derreteu em elogios – justíssimos! – à pequena em sua página no Facebook:

Olho para as minhas filhas todos os dias e lembro que um dia irão crescer. Ganharão salários menores? Serão assediadas pelo chefe? Serão tratadas como pessoas frágeis e incapazes? Terão suas intimidades vazadas na internet? Ou teremos evoluído? O mundo será mais seguro para elas? O mundo será mais justo?

Acho que seria uma evolução tecnológica incrível poder escolher o sexo do seu futuro filho. Mas uma outra evolução precisa acontecer antes disso.

Anita, você é o máximo.

A página Empodere Duas Mulheres compartilhou o trecho do programa em que Anita aparece. Para assistir, clique aqui.

Leia mais
Comente

Hot no Donna