Globeleza 2017 aparece vestida celebrando a diversidade do Carnaval no Brasil

Reprodução Globo
Reprodução Globo

A Globeleza ressurge neste ano em nova versão: vestida! Na carona de um 2016 em que debates sobre machismo e igualdade de gênero ganharam ainda mais força, a vinheta da Rede Globo deixou de lado o look tradicional, em que a Globeleza da vez sambava com o corpo nu coberto apenas por desenhos e aplicações.

A modelo Erika Moura exibe seis figurinos, celebrando as diferentes manifestações do Carnaval no Brasil, do frevo ao bumba meu boi, do casal de mestre-sala e porta-bandeira ao maracatu, do axé e à popular passista de avenida. A mudança foi considerada um avanço por muitas mulheres e páginas feministas nas redes sociais:

“Agora, sim, Globeleza! Que coisa mais linda essa nova vinheta! Valorizou muito bem nossa cultura. E sem nudez para chamar a atenção”, escreveu uma usuária do Twitter. A página Quebrando o Tabu também se pronunciou:

Reprodução Facebook

Reprodução Facebook

Confira a vinheta

O vídeo de 37 segundos mescla as danças de cada Estado e apresenta combinações de cores quentes, presentes tanto nas roupas quanto nas maquiagens. Os cabelos também variam de acordo com a dança representada. No frevo, por exemplo, Erika ostenta o tradicional coque alto, enquanto no axé da Bahia traz turbante consagrado pelas baianas.

Leia mais
:: Movimento Vamos Juntas? lança abaixo-assinado pedindo lei para punir assédio nas ruas do Brasil
:: #MasEleNuncaMeBateu: campanha alerta sobre abuso psicológico sofrido por mulheres
:: Empoderamento e feminismo negro: três mulheres compartilham histórias de vida

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna