Lena Dunham defende Taylor Swift e chama novo clipe de Kanye West de “perturbador”

(Reprodução)
(Reprodução)

O rapper americano Kanye West nunca escondeu o fato de adorar uma polêmica. Principalmente, se ele for o centro dela. A última foi o clipe da canção Famous, de seu último álbum, no qual mostra bonecos de cera de celebridades nuas. Mas não só: o clipe remete a momentos posteriores a uma orgia, enquanto na letra, o cantor diz que Taylor Swift (que também aparece ao lado de Kanye nas imagens) deve a fama a ele e, por isso, transariam.

:: Boca no trombone! Lena Dunham critica jornal por uso de Photoshop
:: No Brasil e no mundo: as 10 mulheres com mais seguidores no Instagram

Sobre o clipe, Taylor não se pronunciou. A cantora está curtindo uma eurotrip com seu mais novo affair, o ator inglês Tom Hiddleston. Mas quem não aguentou e resolveu colocar a boca no trambone — ou melhor, nas redes sociais — foi a atriz feminista Lena Dunham, da série Girls. Inconformada, ela usou sua página no Facebook para sair em defesa da amiga e das outras personalidades que aparecem no clipe ao lado de George W Bush, Donal Trump, Chris Brown, Ray J e Bill Cosby, este último acusado de abusar de mais de 30 mulheres.

“Eu não consigo ter uma reação ‘cool’ ao ver uma mulher que eu amo como Taylor Swift, mulheres que eu admiro como Rihanna ou Anna Wintour, reduzidas a um par de seios de cera feitos por alguém de efeitos especiais. Isso me deixa triste, insegura e preocupada pelas adolescentes que estão assistindo”, escreveu.

(Reprodução)

(Reprodução)

O clipe, a letra e o rapper foram acusados de misóginos e a repercussão nas redes sociais foi negativa. Taylor Swfit é desafeto de Kanye desde 2009, quando ele subiu ao palco de uma premiação e pegou o microfone da cantora, que acabava de vencer na categoria de Melhor Vídeo Feminino, e disse que a vencedora deveria ter sido Beyoncé. Depois de fazerem as pazes e, por um breve período, terem se tornados amigos, a relação do rapper com a cantora pop acabou abalada desde o lançamento da música Famous. 

:: Michelle Obama reúne cantoras pop para cantarem hino de empoderamento da mulher
:: Thamires Tancredi: afinal, quem é que pode usar biquíni?

“Olha, Kanye: você é legal. Faça uma declaração sobre fama e privacidade, sobre os Illuminati ou qualquer coisa que passe pela sua cabeça. Mas eu não posso assistir a isso, não quero ver, se isso é inspirado e carrega informações da nossa cultura, que faz as mulheres se sentirem inseguras, até em suas próprias camas, em seus próprios corpos”, finalizou.

O clipe está disponível na plataforma de streaming Tidal, criado pelo próprio rapper.

Veja a publicação original:

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna