Movimentos pelo país convocam mulheres a usarem lilás para protestar contra a cultura do estupro

O estupro coletivo de uma garota de 16 anos no Rio de Janeiro na última semana levou mulheres de todo o país a se manifestarem nas redes sociais, denunciando casos de abuso e se unindo na luta contra o machismo. O movimento originou à organização de protestos em diversas cidades, incluindo Porto Alegre, todos marcados para a próxima quarta-feira, 1º de junho.

:: Sai pra lá, assédio! Aplicativo ajuda mulheres a denunciarem assédio
:: Hashtags como #meuamigosecreto dão voz ativa às mulheres nas redes
:: Movimento “Vamos Juntas?” vira livro com depoimentos sobre assédio e lições de sororidade

O coletivo Juntas também criou as hashtags #GreveDasMulheres e #JunhoFeminista, convocando a usarelilás no dia dos protestos para representar a luta pelo fim da violência contra mulheres.

São Paulo, Rio de Janeiro, Salvador, Brasília, Recife, Fortaleza e Belo Horizonte são algumas das cidades com atos marcados para esta quarta. Em Porto Alegre, o protesto irá ocorrer a partir das 17h, na Esquina Democrática. Por enquanto, 10 mil pessoas confirmaram no evento do Facebook, e 11 mil se mostraram interessadas. Todos os detalhes estão aqui.

11

No último domingo, a hashtag #EstuproNãoÉCulpaDaVítima, que esteve nos trending topics do twitter desde a divulgação do vídeo do estupro, ganhou o apoio de Emma Watson, que twittou em português.

A atriz inglesa já é conhecida como uma ativista do feminismo: ela é embaixadora da ONU pelos direitos das mulheres e lançou a campanha #HeForShe, que convidava os homens a reverem seu próprio machismo e a darem mais espaço para as mulheres na sociedade. Emma, que é formada em literatura inglesa, criou no início deste ano um clube do livro feminista para compartilhar seu conhecimento sobre o tema e ouvir outras opiniões e, logo depois, anunciou que daria uma pausa na carreira para se dedicar ao feminismo.

Leia mais:
:: ONU Mulheres e canal GNT lançam no Brasil a campanha #elesporelas, para engajar homens na luta por igualdade de gênero
:: Igualdade de gêneros: campanha mundial #elesporelas terá representação no Rio Grande do Sul
:: Survivor: Clarice Falcão lança cover das Destiny’s Child e remete renda a ONG feminista

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna