Viu só? Dividir os cuidados com os filhos melhora a vida sexual dos casais, diz estudo

Apesar das mudanças nos núcleos familiares que aconteceram nos últimos anos, ainda é comum ver nos lares brasileiros as mulheres responsáveis por boa parte das atividades domésticas e pelo cuidado dos filhos. Mas sabia que compartilhar as atividades domésticas, além de não sobrecarregar nenhuma parte, ajuda a melhorar a vida sexual dos casais? Esta foi a conclusão de um estudo feito pela Universidade Estadual da Geórgia com mais de 480 casais.

:: Carpinejar: casal brigando esquece que tem filho
:: Como resgatar a sexualidade do casal após a chegada do bebê

— Concluímos que ser um pai presente é muito importante para os homens. Caso contrário, nós não veríamos um nível tão grande de satisfação. Essa pesquisa mostra que dividir os cuidados com os filhos com um parceiro faz bem para os dois sexos — afirma Daniel Carlson, líder do estudo americano.

Affectionate couple in bed

Os casais — todos heterossexuais — foram analisados divididos em três categorias. No primeiro grupo, ficaram aqueles em que a mulher era responsável pela maior parte dos cuidados com o filho — pelo menos 60%. Os casais que dividiam igualmente as atividades ficaram no segundo grupo. Por fim,  ficaram aqueles casais em que o homem cuidava da criança mais de 60% do tempo. Aqueles dos últimos dois grupos disseram ter mais satisfação com o relacionamento, além de praticar sexo com mais frequência. Para o professor-assistente de sociologia da Universidade, Daniel Carlson, este seria o único caso prejudicial à vida a dois. Quando os pais assumiram as responsabilidades não houve relatos de problemas entre os casais.

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna