#DonnaIndica: 3 dicas de leitura, de cartum feminista a um romance cheio de reviravoltas

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Se você, como eu, não pode terminar um livro sem ter outro à espera na mesa de cabeceira, vão aí três dicas de leitura. De cartum feminista a um romance cheio de reviravoltas, faça a sua aposta.

00cdb563

DEPOIS DA QUEDA
Logo na primeira linha da primeira página, você descobre que a protagonista vai matar o marido. Apesar de amá-lo. Pronto, não tem mais como parar de ler o novo livro do mestre Dennis Lehane (de títulos como Gone Baby, Gone e Sobre Meninos e Lobos) para descobrir tudo o que aconteceu antes e depois. Você vai conhecer Rachel, a mulher que convive com as lembranças de uma mãe manipuladora,
a repórter que tem um ataque de pânico ao vivo e vira o novo meme da internet e a reclusa que evita sair de casa. Até o dia em que ela reencontra um homem que parece perfeito demais para ser verdade. Uma trama com todo potencial para chegar às telas do cinema.
• Companhia das Letras, R$ 54,90

00cdb562

QUAL O PROBLEMA DAS MULHERES?
A provocação de Jacky Fleming já começa no título. Para entender por que ouvimos falar tão pouco de grandes feitos de mulheres nas aulas de história, a premiada cartunista feminista britânica propõe uma breve e jocosa viagem no tempo. Recorre a grandes pensadores (homens, claro): “Jean-Jacques Rosseau, Gênio Incansável do Iluminismo e exibicionista contumaz, disse que as moças precisavam ser domesticadas desde cedo, para que seu papel natural, o de agradar aos homens, se tornasse mais natural ainda”. E ironiza preconceitos do passado, como o fato de escritoras serem malvistas: “As mulheres achavam que levantar uma caneta era muito cansativo, já que causava anemia, que interrompia o fluxo sanguíneo. Ou seriam os espartilhos?”. Tudo isso somado ao traço firme e bem-humorado da autora.
• L&PM, R$ 31,90

Capa A mulher na escada V3 MF

A MULHER NA ESCADA
Do mesmo autor de O Leitor, Bernhard Schlink, esta é daquelas tramas que convidam a ler sem pressa, deixando-se levar pelos personagens. Em viagem à Austrália, um bem-sucedido advogado de meia-idade dá de cara, em um museu, com o quadro que marcou sua vida: na tela, descendo uma escada, está a primeira mulher por quem ele se apaixonou e quase jogou tudo para o alto no passado. E por quem foi abandonado sem qualquer justificativa. Ele decide, então, tentar encontrá-la para um acerto de contas, o que o leva de volta a um antigo triângulo amoroso que, mais uma vez, pode virar sua vida de cabeça para baixo. É uma história sobre escolhas, sobre o amor e sobre o tempo que passa para todos nós. Tradução de Lya Luft.
• Record, R$ 39,90

Leia mais:
:: Do suspense ao romance: 3 dicas de leitura para renovar seu livro de cabeceira
:: #DonnaIndica: 3 livros para você ler e colocar a mão na massa
:: #DonnaIndica: três sugestões de livros para o fíndi

Leia mais
Comente

Hot no Donna