Gisele Bündchen lembra carreira e revela que já pensou em suicídio: “Sabia que precisava de ajuda”

Foto: Reprodução/Instagram @gisele
Foto: Reprodução/Instagram @gisele

Gisele Bündchen concedeu uma entrevista honesta e reveladora na edição desta semana da Revista People. À publicação, a top de 38 anos revelou que já sofreu de ansiedade, teve ataques de pânico e chegou a pensar em suicídio.

“As coisas podem parecer perfeitas do lado de fora, mas você não tem ideia do que realmente está acontecendo”, disse a modelo. Ela se referia aos anos 2000, quando estava chegando ao auge da carreira.

Depois de ter o primeiro ataque de pânico durante um voo com um pequeno avião em 2003, Gisele desenvolveu medo de túneis, elevadores e outros espaços fechados.

“Eu tinha uma posição maravilhosa na minha carreira, eu estava muito perto da minha família e sempre me considerei uma pessoa positiva, então isso estava realmente me incomodando. Tipo: ‘Por que eu deveria estar sentindo isso?’. Eu sentia que não era permitido me sentir mal “, relatou ela. “Mas me senti impotente. Seu mundo se torna cada vez menor e você não consegue respirar, o que é o pior sentimento que já tive ”, completou.

Os ataques de pânico foram frequentes e Gisele revelou que teve pensamentos suicidas.

“Eu realmente tive a sensação de: ‘Se eu simplesmente pular da minha varanda, isso vai acabar’, e eu nunca mais teria que me preocupar com esse sentimento”.

Gisele consultou um especialista e, após fazer uso de remédios, decidiu que não queria depender de medicação. “O pensamento de ser dependente de algo parecia, na minha opinião, ainda pior, porque eu pensava: ‘E se eu perder essa [pílula]? Então o quê? Eu vou morrer?’. A única coisa que eu sabia era que precisava de ajuda”. Com o conselho dos médicos, Gisele começou uma revisão total do estilo de vida.


Visualizar esta foto no Instagram.

I am excited to share that my book will be released October 2nd! Writing this book was a transformative and intense process for me. Uncovering stories deep inside of me made me feel vulnerable and emotional, but through facing my shadows and insecurities I learned how to accept and love myself in a deeper way. My intention in writing this book is to share how I overcame certain challenges in my life in hopes that it could help others who may be going thru similar experiences. Proceeds from the book will go to project Água Limpa, to help protect water sources for future generations. http://bit.ly/PreOrderLessons 📖 Feliz em compartilhar que meu livro sairá no dia 2 de outubro! Escrever esse livro foi uma experiência transformadora e intensa para mim. Lembrar de várias histórias que estavam adormecidas dentro de mim me fez sentir vulnerável e emotiva, mas, ao olhar para minhas sombras e inseguranças, aprendi a me aceitar e me amar de uma maneira mais profunda. Minha intenção, ao escrever este livro, é compartilhar como eu superei certos desafios em minha vida, com a esperança de que possa ajudar de alguma forma outras pessoas que estivessem passando por experiências semelhantes. Meus rendimentos deste livro irão ao projeto Água Limpa, que ajuda a proteger as fontes de água para futura gerações.

Uma publicação compartilhada por Gisele Bündchen (@gisele) em

Os detalhes dessas experiências estão em Lessons – My Path to a Meaningful Life (“Lições: Meu caminho para uma vida significativa”, na tradução livre), biografia escrita pela própria Gisele, com detalhes de sua vida particular.

“Eu senti que talvez fosse hora de compartilhar algumas das minhas vulnerabilidades e isso me fez perceber tudo o que eu passei. Eu nunca mudaria, porque acho que sou quem eu sou por causa dessas experiências”, acrescentou a top.

A biografia de Gisele chega às livrarias no Brasil no dia 15 de outubro, pela editora BestSeller, mas já está em pré-venda. O título em português é “Aprendizados: Minha Caminhada para uma vida com mais significado”.

Leia mais:
:: Gisele anuncia data de lançamento de livro de memórias e revela: “Aprendi a me aceitar e me amar”

Leia mais
Comente

Hot no Donna