Meghan Markle entra em conversa sobre aborto em viagem à Irlanda

Foto: AFP
Foto: AFP

Meghan Markle parece ter quebrado mais um protocolo real em sua viagem com príncipe Harry à Irlanda. De acordo com a senadora Catherine Noone, a duquesa de Sussex demonstrou apoio ao resultado do referendo que mudou a lei sobre aborto no país. As duas se encontraram na terça-feira, 11.

Em maio deste ano, quase 70% dos eleitores irlandeses votaram a favor da possibilidade de interromper a gravidez até a 12° semana de gestação. O resultado foi saudado em todo o mundo como uma vitória pelos direitos das mulheres, mas segue gerando repercussão.

A senadora contou em seu Twitter que conversou com Meghan e que a ex-atriz demonstrou ter ficado satisfeita com o resultado da votação:

“A duquesa e eu conversamos sobre o recente resultado do referendo – ela observou com interesse e ficou satisfeita em ver o resultado”, dizia o primeiro post, de acordo com o The Irish Times.

Catherine Noone seguiu com um esclarecimento em um segundo tweet: “Eu devo dizer que ela parecia satisfeita – ela estava interessada e muito contida, não completamente política”.

Porém, ambos os posts foram excluídos. Segundo as regras da realeza, a família real não pode manifestar opiniões políticas.

Una Mullally, escritora e ativista, também compareceu à festa e conversou com Meghan sobre a votação. Ela escreveu no Twitter: “Ótimo conversar com Meghan Markle, Duquesa de Sussex, sobre a revogação e a importância de seu ativismo feminista. Tão importante ter pessoas em sua posição defendendo os direitos das mulheres”.

Leia mais:
:: Os custos da família real britânica aumentaram com a chegada de Meghan Markle. Vem ver por quê!
:: Aniversário da rainha: Meghan Markle causa polêmica por estar com ombros à mostra
::  Meghan Markle só usa sapatos maiores que seu pé em eventos oficiais

Leia mais
Comente

Hot no Donna