Roupa usada por Serena Williams no pós-parto é vetada de competição: entenda a polêmica

Desde que voltou às quadras, depois do nascimento da filha, Serena Williams escolheu um macacão preto inspirado, segundo a própria tenista, no filme Pantera Negra. Agora, ela foi surpreendida com a notícia de que o traje será proibido nas próximas edições de Roland Garros.

O presidente da Federação Francesa de Tênis disse que pretende ser mais rigoroso com o código de vestimenta dos atletas. À Tennis Magazine, Bernard Giudicelli falou especificamente sobre o traje de Williams:

“Não será mais aceito. É preciso respeitar o jogo e o lugar. Acho que fomos longe demais”.

A decisão está sendo questionada principalmente porque o traje tem uma funcionalidade. Na época do torneio, disputado em junho, Williams até postou uma foto no Instagram, dedicando à todas as mães que tiveram um momento difícil se recuperando da gravidez.

O macacão é, na verdade, uma roupa de compreensão de corpo inteiro, feito para ajudá-la com os coágulos de sangue, um problema com o qual a tenista vem lidando nos últimos anos e que se intensificou depois que deu à luz Alexis Olympia, de quase um ano.

“Eu tenho muitos problemas com coágulos sanguíneos e não sei nem dizer quantos eu tive nos últimos dois meses. Geralmente tenho usado calças quando eu jogo, o que mantém a circulação sanguínea. É um traje divertido mas também é funcional, que me permite jogar sem problemas”, explicou em entrevista a uma publicação americana.

A Nike, patrocinadora de Serena, também se posicionou com uma indireta no Instagram. A legenda é mais que verdadeira: “Você pode tirar a heroína dos seus trajes, mas nunca poderá tirar os superpoderes dela”.

Demais, né?

You can take the superhero out of her costume, but you can never take away her superpowers. #justdoit

Uma publicação compartilhada por nike (@nike) em

Desde o veto, Williams vem recebendo apoio nas redes sociais. A ex-tenista Billie Jean King falou em sua conta no Twitter sobre o assunto:

“O policiamento sobre o corpo das mulheres deve terminar. O ‘respeito’ necessário vem do talento excepcional que Serena Williams leva ao jogo. Criticar o que ela usa para trabalhar é o verdadeiro desrespeito”, escreveu.

Além disso, outro detalhe foi lembrado pelos usuários da rede: em 1985, a tenista Anne White se transformou em um hit das quadras depois de usar um macacão branco em Wimbledon, Grand Slam disputado em Londres. A pergunta que muita gente está se fazendo é o que faz um traje ser sucesso e outro ser considerado desrespeitoso.

“Quando uma mulher branca usa, é ok. Aberto da França, pare com o policiamento sobre corpos de mulheres negras”, tuitou uma usuária.

Leia mais:
:: Após ser mãe, Serena Williams fala sobre dificuldade de focar em si: “Tenho que aprender um equilíbrio”
:: Serena Williams vai usar tutu de balé em torneios de tênis. Vem ver o novo look da atleta!
:: Serena Williams desabafa sobre pressão de conciliar maternidade e carreira: “Senti que não era uma boa mãe”

 

 

Leia mais
Comente

Hot no Donna