Entrevista: Sofia Resing, a modelo gaúcha que estampa a edição de biquíni da Sports Illustrated

Foto Sports Illustrated, Divulgação
Foto Sports Illustrated, Divulgação

Por Caue Fonseca, especial

Se folheando a Sports Illustrated Swimsuit Edition você deparou com um rosto – e um corpaço –conhecido, talvez você não esteja louco. Até alguns anos, os cabelos morenos desgrenhados e as longas pernas de Sofia Resing desfilavam pelas areias do Imbé. Em 2016, a porto-alegrense de 24 anos foi a única brasileira escolhida para a concorrídissima edição de trajes da banho da revista americana, ao lado de celebridades como a supermodelo Gigi Hadid, a ex-senhora Cristiano Ronaldo Irina Shayk e a estrela do UFC Ronda Rousey. Sofia respondeu às perguntas da revista Donna por e-mail no aeroporto de Nova York, onde tem passado os raros momentos de pausa na agenda. Confira abaixo trechos da entrevista:

Donna – Como rolou o convite para a Sports Illustrated Swimsuit Edition. Entre tantas brasileiras conhecidas pela sensualidade, por que você acha que foi escolhida para a edição de trajes de banho?
Sofia – Foi por meio da minha agência em Nova York (a Women 360). Primeiramente, houve uma seleção por fotos e eles me chamaram para o casting. Mas com certeza não era um casting normal. Eles procuraram saber muito sobre a minha personalidade. Houve uma entrevista gravada, um joguinho com emojis. Dá para assistir ao vídeo abaixo:

Centenas de meninas lindas fizeram o casting, mas acho que a minha personalidade contou muito no momento de escolha.

Donna – Como foi realizada a foto do avião ao fundo? Como é a sensação de um avião passando a poucos metros de você?
Sofia – A foto do avião foi uma das mais difíceis da minha vida. A equipe toda estava se equilibrando em cima de corais na área onde era permitido fazer aquelas manobras. O avião teve de ir e vir de vários ângulos diferentes umas 30 vezes! O mais complicado foi conseguir segurar a pose sentido o vento atrás do rasante, passando a um metro do meu corpo. Foi muita confiança no piloto!

Fotos Sports Ilustrated

Fotos Sports Ilustrated, divulgação

Donna – Vimos fotos suas com a Ronda Rousey no lançamento da revista (Ronda foi uma das capas, com uma pintura fazendo as vezes de maiô). Como é a fera pessoalmente?
Sofia – Eu assisto a UFC frequentemente, e sempre fui fã da Ronda. Tive a oportunidade de conhecê-la nos eventos do lançamento da revista nessa ultima semana. Além de ser super gente boa, ela é muito gata e superfeminina, algo às vezes inesperado de uma lutadora de MMA. Virei mais fã ainda.

Donna _ Pela primeira vez, neste ano, a Swimsuit Edition tem uma opção de capa plus size (com a modelo Ashley Graham). Como você vê essa questão do culto à boa forma, de que o biquíni virou um símbolo tão forte?
Sofia – A Sports Illustraded está trabalhando na campanha “Swimsuits for all” ou seja “Biquínis para todas”, em que uma mulher mais madura foi fotografada (Nicola Griffin, de 56 anos). Acho irado que eles estejam questionando os padrões da mídia, quebrando tabus, e simplesmente atestando que qualquer mulher pode ficar linda em seu biquíni. Mas logicamente continuo ativista de um estilo de vida saudável, da prática de esportes e da alimentação orgânica, independentemente da genética herdada.

Donna – Você nasceu em Porto Alegre, certo? Ainda tem contato com a cidade?
Sofia – “Nasci chorando (no) Moinhos de Vento”, literalmente (risos). Cresci no Bairro Petropolis, onde morei até os 18 anos quando mudei pra Europa pra trabalhar como modelo. Minha família toda ainda mora em Porto Alegre. Sempre que posso, volto para matar as saudades.

Donna – Você guarda alguma lembrança bacana da cidade ou do Rio Grande do Sul?
Sofia – Tenho muitas lembranças boas crescendo no Estado, principalmente dos nossos veraneios na praia do Imbé! Lá eu tinha minha liberdade. Pegava a bicicleta, andava por tudo e só voltava à noite. Também foi onde aprendi a surfar de bodyboard. Me apaixonei pelo esporte e até hoje, sempre que posso, vou em surf trips.

Donna – Você aparece em listas de perfis no Instagram mais legais a serem seguidos. O que você acha que faz do teu perfil tão atraente para os seguidores?
Sofia – Procuro sempre variar meus posts entre o trabalho de modelo e a vida pessoal, meus hábitos, minhas viagens, meus looks, os esportes que pratico. Às vezes, divido algum pensamento. Acho que tudo isso traz inspiração e faz com as pessoas se atraiam ao perfil.

Leia também
:: Ashley Graham é a primeira plus size a estampar a capa da Sports Illustrated, tradicional reduto de corpos sarados

Donna _ Falando em Instagram, a modelo Adriana Lima recentemente fez uma postagem polêmica de cara limpa, gripada para ressaltar a dureza da rotina das modelos. Como está a sua em NY? É de fato tão puxado?
Sofia – Realmente a correria é grande. E o mais difícil, como realçou a Adriana, é saber disfarçar o cansaço, a gripe, o fuso horário, problemas pessoais e ainda assim estar linda e com energia 24 horas. Tem dias que você não tem tempo nem pra respirar, mas quando você ama o que faz você aprende a lidar com tudo isso. Sempre tive o apoio da minha família, e a saudade bate sempre. Mas hoje em dia nos falamos o tempo inteiro pelo WhatsApp. Isso ajudou muito.

Donna – E projetos futuros? Em qual revista vamos ter o privilégio de te ver novamente?
Sofia – Estou com vários projetos no forno, mas preciso guardar segredo até sair. Muitas coisas incríveis por vir!! Tudo será anunciado nas mídias sociais (Instagam/Twitter/Snapchat, todos são @SofiaResing). Fiquem ligados!

Leia também
:: Biquíni de estilista brasileira é o hit do verão entre celebridades como Kendall Jenner e Izabel Goulart

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna