Playboy americana divulga primeira capa sem nu, inspirada no Snapchat

Nesta manhã, a edição brasileira da revista Playboy anunciou que na próxima edição, a mulher da capa não receberá cachê para posar: será apenas “pelo prazer de se despir”. Agora, a versão norte-americana divulgou sua primeira capa depois do anúncio de que não publicará mais mulheres nuas. A estampa é inspirada na interface do Snapchat, rede social que ganhou muitos adeptos no último ano. As informações são da Playboy.

:: Ensaio! 40 anos depois, ex-coelhinhas da Playboy posam para publicação
:: Antes e depois: fotógrafa revela como estão hoje algumas coelhinhas da Playboy

Quem estampa a capa da edição reiventada é a modelo Sarah McDaniel, de 20 anos. E a escolha não foi por acaso. Segundo um comunicado da revista, a modelo tem heterocromia ocular, quando os olhos são de cores diferentes e  “isso dá uma visão única, que faz com que ela se destaque. Ainda de acordo com a publicação, para fazer o ensaio, a modelo se tornou uma expert em usar o Snapchat para apresentar “uma experiência mais íntima para o leitor”.

(Divulgação)

(Divulgação)

No perfil da modelo no Instagram, são várias as fotos sensuais da modelo apenas de biquíni na praia ou vestindo apenas calças. Ela se tornou um fenômeno nas redes sociais, justamente, por ter um olho na cor azul e outro castanho claro. A heterocromia é um fenômeno que acontece com seis bebês a cada mil nascimentos. Combinados com o corpo escultural e a expressão facial da top, o sucesso é quase inevitável.

E aproveite para seguir a gente lá no Snap!

12650231_10208427406465502_2116910211_n

Confira as edições que marcaram a história da revista:

Leia mais
Comente

Hot no Donna