5 motivos por que amamos Meryl Streep, em cartaz no filme “Florence”

Nesta quinta-feira, a musa Meryl Streep volta aos cinemas com o longa Florence: quem é essa mulher?, comédia em que ela contracena com o ator Hugh Grant. Na trama, a atriz interpreta uma rica herdeira que sonha em ser uma cantora de ópera, mas tem uma voz horrível.

E se tem Meryl, já podemos ficar ansiosos com o filme, não é? Mas essa não a única razão pela qual ela é uma das nossas atrizes preferidas. Vem ver:

gip_ms03

1. Dona do Oscar
Meryl já foi indicada 19 vezes ao maior prêmio do cinema de Hollywood e é a recordista de indicações na área de atuação. Ela já levou para casa duas estatuetas de melhor atriz pelos longas A escolha de Sophia (1982) e A Dama de Ferro (2011), além de melhor atriz coadjuvante por Kramer Vs. Kramer (1979).

2. Personagens icônicas
A gente chora com Joanna de Kramer Vs. Kramer, ama odiar a Miranda Priestley de O Diabo veste Prada e morre de rir com a cozinheira Julie Child de Julie & Julia. E até cantamos junto com a Meryl, quando ela interpretou Donna no musical Mamma Mia.

:: Meryl Streep afirma que faria sequência de O Diabo Veste Prada
:: Happy b-day! 5 motivos para ter vontade de ser amiga de Olivia Wilde
:: 7 motivos que fizeram de Jennifer Lawrence a estrela mais valiosa de Hollywood

 

3. Sua família é sempre prioridade
Mãe de quatro filhos, Henry, Mammie, Grace e Louisa, a atriz sempre priorizou seu tempo em família. Quando seus filhos eram pequenos, fazia sempre questão de filmar em lugares próximos e nunca durante as férias das crianças. Em 2012, dedicou sua terceira estatueta ao marido, Don Gummer, com quem é casada há 37 anos.

gip_ms04

 

4. É um meme
No Oscar de 2015, Meryl também virou a “rainha dos memes” com a sua empolgação durante o discurso empoderador da atriz Patricia Arquette. A vencedora do Oscar de melhor atriz coadjuvante defendeu a mesma remuneração para homens e mulheres nos filmes e contou com a torcida fervorosa da plateia da premiação – incluindo uma animadissima Meryl, que em minutos virou a imagem mais divertida — e tuitada – da noite.

 

5. É defensora dos direitos das mulheres
Em uma indústria dominada por homens, Meryl não tem medo de expor suas opiniões. Em 2015, ela revelou em uma entrevista que ainda recebia menos do que seus colegas de elenco homens.
— As mulheres estão se formando em escolas de cinema, Direito e Medicina em igual número que os homens, mas eles são excluídos quando chegar às posições de liderança — desabafou.
Como parte de sua luta contra o sexismo em Hollywood, a atriz financiou um curso de roteiro para mulheres acima dos 40 no ano passado. E também quer salvar o mundo: recentemente, Meryl, em parceria com outras estrelas do cinema, assinou um carta aberta para a chanceler alemã Angela Merkel pedindo o fim da pobreza feminina em todo o mundo até 2030.
gip_ms01

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna