Roteiro de um dia no Vale Colchagua, a 140 quilômetros de Santiago do Chile

O Chile oferece grandes atrativos para os brasileiros que visitam o país anualmente, entre eles os vinhedos. Uma das regiões mais conhecidas pelos seus vinhos é o Vale Colchagua ou Valle de Colchagua, localizado a 140 Km de Santiago.

O Vale Colchagua é o paraíso para os amantes do vinho que querem mergulhar na essência deste universo que tanto caracteriza a vasta cultura chilena. Com aproximadamente 15 vinícolas espalhadas pela região, oferece além dos lindos tours e paisagens, uma excelente gastronomia e bons hotéis. Veja um roteiro de 24h para você que vai conhecer pela primeira vez a região.

IMG_1333-e1504642534871

9h

Comece seu dia com um bom café da manhã no hotel. Os hotéis no Valle de Colchagua são mais rústicos e sem muita mordomia, com excessão do exclusivo Relais & Chateaux Lapostolle Residence junto a vinícola Clos Apalta – o melhor dali. Mas para quem busca algum lugar que pode ser rústico, e com preço mais acessível, as sugestões são: NOI Blend Colchagua (mais novo e com uma decoração mais contemporânea), La Sara Hotel Boutique (como uma casa, com apenas 04 quartos), Hotel Terraviña e Hotel Casa de Campo (ambos mais rústicos, mas muito bem conceituados).

10h

O tour pelas vinícolas começa cedo. A primeira visita do dia pode acontece na Vinã Laura Hartwig, uma pequena vinícola familiar, com mais de 20 anos de existência e um processo que segue uma linha tradicional.

IMG_1233-e1504838479162

11h

De lá sigo de carro até a cidade de Santa Cruz, uma comuna da província de Colchagua cujos arredores abrigam a maior parte dos hotéis da região. Não é uma cidade propriamente charmosa e por isso não sugerimos parar em nenhum lugar por ali. Mas, caso queira visitar algo típico da cultura da região, visite o Museu Colchagua, com a maior coleção privada chilena. Siga até o próximo tour na Viña Viu Manet, uma das mais antigas vinícolas da região. A Viu Manet é uma vinícola familiar de 1935 e o principal seu vinho é o Viu 1 – uma homenagem ao dono da Vinícola. Aproveite para fazer o tour da vinícola para conhecer a história da empresa e todo o processo dos seus vinhos. Eles possuem um restaurante ótimo chamado Rayuela Wine & Grill.

IMG_1244-e1504838599318

Meio-dia

Terceira parada é na famosa Viña Montes, fundada em 1988 por profissionais do mundo do vinho que inicialmente tinha o nome de Discover Wine, foi a percursora dos vinhos de alta qualidade do Chile, com o Montes Alpha M. Hoje, um dos seus vinhos mais conhecidos é o Purple Angel (Carmenère 92%). A vinícola possui um design contemporânea, com muitas fontes e anjos ao lado de fora. A área de degustação possui um visual lindo dos parreiras.

IMG_1277-e1504838708855 IMG_1279-1

13h

O almoço acontece no novo restaurante do famoso Chef Francis Mallmann, o Fuegos de Apalta, ali mesmo na vinícola Montes. O restaurante é todo de vidro e madeira, com uma vista lindíssima dos parreiras. Em destaque está uma super parrilla onde são preparados os melhores cortes de carne. Uma incrível experiência gastronômica.

15h

Próxima a vinícola Montes está uma das vinícolas mais lindas do Valle da Colchagua, a Lapostolle. Eles possuem uma vinícola apenas do seu melhor vinho, o Clos Apalta. A vinícola mistura uma arquitetura contemporânea, com processos e decoração tradicional, em um espaço que parece um grande barril de vinho, com 05 andares para o subsolo e 25m de profundidade. No último andar encontra-se uma adega exclusiva e privada da dona da vinícola, Alexandra Garnier Lapostolle, com 100 garrafas de cada safra da vinícola, mais os melhores vinhos da concorrência e outras garrafas que ganharam de presente. Demais!

IMG_1301-e1504838810953

16h

Se ainda tiver energia, finalize seu tour de vinhos pela Viña Santa Cruz, uma vinícola não tão premium como as outras citadas acima, porém com uma ótima experiência de tour (que inclui um teleférico) e lindas paisagens do Valle de Colchagua.

17h

Depois de tanto vinho e muitos passeios, hora de voltar ara o hotel e descansar até a hora do jantar.

20h

A noite a sugestão é jantar no Vino Bello, um restaurante italiano bem descontraído. Outra sugestão é o restaurante típico com pratos da gastronomia chilena, o Casa Colchagua, com uma varanda bem agradável na área externa.

Dica: Os tours nas vinícolas são pagos e os valores variam conforme cada vinícola. É importante agendar com antecedência para garantir lugar no grupo ou disponibilidade para os tours privados.

Leia mais
:: Roteiro: inclua os hot spots que bombaram na NY Fashion Week na sua próxima viagem
:: 5 apps de viagem que você precisa conhecer

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna