VÍDEO! “A parte que falta”: crianças comentam o livro infantil que virou fenômeno na internet

Fotos: André Ávila
Fotos: André Ávila

A youtuber Jout Jout tornou a obra “A parte que falta” (Cia das Letrinhas) um fenômeno na última semana. Mas o que será que os pitocos entendem deste livro voltado ao público infantil?

O Grupo de Mães da revista Donna convidou quatro crianças de idades variadas para debater suas impressões do livro com a psicóloga Arieli de Freitas Groff, de Porto Alegre, no estúdio de GaúchaZH.

Pietra Saccomori Ponzi, 6 anos, Miguel Kopplin de Abreu, 6 anos, Kaiki Santos, 11 anos e Isabelle Marques, de 10, compartilham no vídeo o que acharam do livro de Shel Silverstein.

Clica no play e não esquece de dar seu like :-)

Leia também
:: “A falta que a falta faz”: vídeo de Jout Jout sobre autoconhecimento viraliza e emociona a internet
:: Programa Donna: psicóloga explica por que o vídeo de Jout Jout fez tanto sucesso
:: Após vídeo de Jout Jout viralizar, livro entra para listas de mais vendidos

aAAV_9059

Saiba mais sobre o livro

O protagonista da história é um ser circular que não está completo: falta-lhe uma parte. E ele busca mundo afora algo para completá-lo perfeitamente. Acredita que, quando estiver completo, vai se sentir finalmente feliz. Então ele encontra uma parte que o completa, mas nem tudo sai conforme o esperado.

O livro de Shel Silverstein foi lançado pela Companhia das Letrinhas em fevereiro de 2018. Antes, fazia parte do catálogo da Cosac&Naify. A vlogger Jout Jout se emocionou gravando um vídeo sobre a obra infantil, com milhões de visualizações no YouTube. O livro entrou para a lista dos mais pedidos nas livrarias depois disso.

A-parte-que-falta

Leia mais
Comente

Hot no Donna