Tenista Serena Williams conta sobre complicações no parto e incentiva mulheres negras a compartilhar histórias

(Foto: Instragram/Reprodução)
(Foto: Instragram/Reprodução)

 

Depois de contar sobre as complicações no nascimento da filha, Alexis Olympia Jian Ohanian, em uma entrevista à Revista Vogue, a tenista Serena Williams chamou a atenção para a taxa de mortalidade de mães negras nos Estados Unidos – e incentivou centenas de mulheres a compartilharem histórias semelhantes nas redes sociais.

O parto, em setembro passado, ocorreu após a frequência cardíaca da tenista cair a níveis baixíssimos. No dia seguinte ao nascimento, ela ainda sofreu uma embolia pulmonar. Apesar de conhecer seu histórico médico, Serena não foi escutada pela equipe de enfermeiros nos primeiros momentos.

 

Serena após o nascimento da filha (Crédito: Instagram)

Serena após o nascimento da filha (Crédito: Instagram)

 

Nas redes sociais, leitores da Vogue relacionaram o episódio à mortalidade desproporcional de mães negras nos Estados Unidos – alguns levantaram a possibilidade de que, se a tenista não tivesse boa situação econômica e não fosse famosa, sua história poderia não ter tido um final feliz.

A repercussão do caso motivou a tenista a publicar uma mensagem no Facebook nessa segunda-feira (15). Na publicação, Serena se mostrou surpresa com a discussão tão significativa a partir de sua experiência, especialmente entre as mulheres negras que enfrentaram situações semelhantes. Ela usou dados do Centro de Controle e Prevenção de Doenças para contar que as mulheres negras são três vezes mais propensas do que as mulheres brancas a morrer por causas relacionadas à gravidez ou ao parto.

A tenista e a filha, Alexis Olympia Ohanian (Crédito: Instagram)

A tenista e a filha, Alexis Olympia Ohanian (Crédito: Instagram)

“Temos muito trabalho a fazer como sociedade e espero que  minha história possa inspirar uma conversa que nos permita fechar essa lacuna. Sendo clara, todas as mães, independentemente da raça, merecem ter uma gravidez e um parto saudáveis. Pessoalmente, quero que todas as mulheres de todas as raças tenham a melhor experiência possível. Minha experiência pessoal não foi ótima, mas foi a minha experiência e estou feliz por ter acontecido comigo. Isso me deixou mais forte e me fez agradecer às mulheres, com ou sem filhos, ainda mais. Nós somos poderosas!!!”, escreveu a tenista.

Leia mais

:: Youtuber Helen Ramos fala com franqueza sobre a maternidade e provoca o debate no canal “Hel Mother”
:: Nasa e Mattel criam boneca astronauta para inspirar meninas
:: 3 ideias para eternizar recordações da infância de seu filho

Leia mais
Comente

Hot no Donna