Trabalhada no estilo! 6 peças que vão te ajudar a montar looks para ir ao escritório

Não é preciso encerrar seu senso de moda em um baú toda segunda-feira e torcer para a semana passar depressa. Não que o ambiente de trabalho seja ideal para elucubrações fashionistas, mas sempre há como incrementar o visual profissional sem esbarrar no exagero, mantendo a elegância e ao mesmo tempo imprimindo personalidade. Afinal, se passamos a maior parte do tempo trabalhando, o ideal é fazer do dia a dia o mais bonito e feliz possível.

Primeiro, é preciso analisar o trabalho em questão, já que cada ambiente e cada profissão possuem certa cartilha com regras específicas do bem vestir. No geral, quanto mais formal a profissão, mais controlado o visual – advogadas, corretoras, secretárias, economistas, bancárias, administradoras. E o contrário, é claro, também funciona: quanto mais criativo o ambiente, mais o estilo é valorizado – arquitetas, publicitárias, chefs de cozinha, músicas, assessoras de comunicação.

O que não pode em qualquer profissão: decote exagerado, transparências reveladoras, comprimentos curtos demais, roupas justas em demasia e maquiagem exagerada. Evitando essa listinha básica – que, por sinal, deveria ser abandonada na maior parte da vida, e não apenas no trabalho -, é possível investir em algumas tendências, estampas e novos materiais para deixar os essenciais profissionais bem mais apetitosos.

Saia lápis

A saia lápis é aquele tipo de clássico que volta e meia vira tendência, como nesta temporada invernal. Fica linda em várias texturas, estampas e matérias-primas, como em couro – vide esta da foto. Só um cuidado: a saia lápis pode ficar com ar um tanto careta se usada com peças clássicas demais, pomposas demais. Para subverter o modelo, use com tricôs, tops de tecidos nobres e leves, camisetas ou com camisas de padronagem mais casual, como o xadrez, outro desejo da temporada. O resultado? Personalidade instantânea.

00a1e7fcSaia lápis CMindov, regata Chamsah Couture, camisa xadrez Alexandre Herchcovitch (acervo), sapato Capodarte, brinco Fátima Mello e bolsa Dumond.

Pretinho básico 

O vestido preto é um primordial do visual feminino, já que, conforme os acessórios, vai do escritório ao coquetel com idêntica elegância. Um jeitinho bacana de atualizar o dito? Um modelo em couro, união de requinte e ousadia. Coordene com um casaqueto ou uma jaqueta de lã, que proporcionam um belo e muito bem-vindo contraste de texturas para qualquer ambiente profissional.

00a1e7ffVestido CMindov, jaqueta Thelure, colar Fátima Mello e clutch acervo.

Blazer preto

O blazer preto é parceiro ideal da calça de alfaiataria, compondo o clássico costume, e curinga de múltiplas combinações. Grau de dificuldade de uso? Zero. Mas bacana mesmo é pensar nele de um jeitinho diferente, como elemento apaziguador de visuais inovadores. Na foto, o blazer neutraliza a mescla de estampas da calça jogging e da camiseta, ambas em tricô, comprovando que fica perfeito também em looks criativos para profissões idem.

00a1e805Blazer acervo, camiseta e calça Loft 747 na La Posh, scarpin Dumond e colar acervo.

Casaco longo

O casaco 7/8 de lã em cor camelo é eterno. Fica bem com tudo. Sério! É como um modelo preto, só que com mais bossa. É ideal para compor com estampas das mais diversas cores. E fica muito chique com listras, bem ao gosto das francesas, que adoram este visual da foto, golaço tanto para as profissionais formais quanto para as criativas. Ah! Atente aos detalhes: cinto de animal print e carteira vermelha. É assim, em pequenas doses, que se faz charme extra no trabalho.

00a1e804
Casaco GAP, calça de alfaiataria e t-shirt Renner, cinto Thelure, sapatilhas Dumond, brincos e carteira acervo.

Jaqueta biker

Clássico contemporâneo, a jaqueta biker, também chamada perfecto, mostra que faz bonito em qualquer ambiente, inclusive nos mais formais. Para sofisticar a jaqueta, combine-a com tons neutros e peças comportadas ou clássicas, como a saia trumpete da foto. Veste bem qualquer profissional que busque um toque diferenciado para apimentar seu estilo.

00a1e807Jaqueta La Posh, camisa GAP, saia Chamsah Couture, sapato Dumond e colar Fátima Mello.

Camisa branca

Item essencial no closet feminino, principalmente para o trabalho. Ela transita bem em várias combinações, das mais formais, com calça de alfaiataria, saia lápis ou sob um tubinho preto, até as mais audazes, como na sugestão da foto, perfeita para uma sexta-feira casual de um ambiente formal ou até mesmo para um dia a dia criativo. Use a camisa com jeans e pele (falsa, por favor!). Em tempo: peles podem ser usadas sob o sol, principalmente casadas a peças despojadas, que geram um cobiçado efeito de contraste entre luxo e casualidade, ideal para não pesar o visual cotidiano.

00a1e7fe
Camisa branca Renner, calça jeans GAP, casaco CMindov, brinco Fátima Mello, sapato Capodarte, óculos Anne et Valentin.

 

:: Ficha técnica
Conceito, consultoria e textos: Aspatrícias Inteligência em Moda
Concepção de estilo: Patrícia Pontalti
Styling: Patrícia Cuozzo
Assistente de estilo: Fernanda Cassel
Modelo: Julia Presotto (Ford Models)
Fotografia: Lucas Cunha
Beleza: Aline Matias
Produtor de locação: Rafael Zanchi.
Locação: prefeitura de Porto Alegre
Agradecimentos: equipe da prefeitura de Porto Alegre e Rogério Amaral
Lojas e grifes que participaram deste editorial: Capodarte, Centro Óptico, CMindov, Chamsah Couture, Dumond, Fátima Melo, GAP, La Posh, Maria Helena, Renner e Thelure.

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna