A sofisticação brasileira de Ronaldo Fraga no São Paulo Fashion Week

O mineiro batizou a coleção de Carne Seca ou um Turista Aprendiz em Terra

O visual das modelos, com os cabelos arrematados por galhos, ajudou a compor o universo mágico
O visual das modelos, com os cabelos arrematados por galhos, ajudou a compor o universo mágico Foto: Zé Takahashi/Agência Fotosite

Ronaldo Fraga é mestre na arte de extrair sofisticação do exuberante e rico regionalismo brasileiro. Onde a maioria vê pobreza, ele vai além e vê luxo. Dessa vez, para a coleção Carne Seca ou um Turista Aprendiz em Terra Áspera, Fraga pesquisou a estética do semi-árido e compôs uma coleção inspirada pelos universos de Graciliano Ramos e João Cabral de Melo Neto. Ele desfilou no fim da tarde desta quinta-feira no Parque Villa-Lobos dentro do line up do São Paulo Fashion Week.

Com uma cenografia que reproduzia o sertão, o estilista mineiro estampou a terra erodida do solo e o formato retorcido das árvores nas roupas, produzidas com muito couro, renda e texturas. Destaque para os vestidos superleves arrematados com cintos de couro poderosos.

O visual das modelos também ajudou a compor o universo meio mágico: os cabelos com uma textura meio podrinha, conforme definiu Marcos Costa, profissional que assinou a beleza do desfile, eram arrematados com galhos.


Fotos: Zé Takahashi/Agência Fotosite/Divulgação

Leia mais
Comente

Hot no Donna