Estilista dá dicas de como não errar na produção para o trabalho

Milka Wolf afirma que mesmo com dress codes diferentes, o bom senso é sempre necessário

Foto: Divulgação

A dúvida sobre a roupa a ser usada em uma entrevista de emprego já é recorrente, mas e depois de contratado? Segundo a estilista gaúcha Milka Wolf, mesmo que as regras variem de um ambiente para outro, é preciso ter bom senso e cuidar para não cometer gafes corporativas por causa do modelo escolhido:

?  É preciso  analisar o seu ambiente de trabalho. Cada lugar requer um dress code diferenciado, porém, certas dicas servem para todos os profissionais.

Pensando nisso, Milka listou algumas dicas bem básicas para acertar antes de sair de casa para enfrentar um dia cheio no ambiente de trabalho. Confira:

> Evite peças justas, curtas demais ou decotadas.”O profissional precisa passar uma imagem respeitável, por isso até animal print exagerado, como um vestido de oncinha, deve ser evitado. Isso pode até causar apelidos e piadas entre colegas”.

>Invista no conforto. “Para enfrentar um dia de trabalho, as peças e, principalmente, os sapatos não podem ser apertados, dificultar os movimentos ou machucar de qualquer forma”.

> Cuidado com a escolha dos acessórios. “Pulseiras barulhentas podem ser inconvenientes, causando incômodo aos colegas”.

> Tente não parecer sóbrio demais. “Se for requisito da empresa, é preciso cumprir, do contrário, também não é necessário ir à empresa de terno preto da cabeça aos pés”.

> Invista nas tendências da temporada. “Saias assimétricas ou de caimento godê e camisas estampadas, além de blazers coloridos e calças de alfaiataria com texturas diferenciadas são apostas. Clássicos como o vestido envelope e o colete podem ser revitalizados com acessórios, mix de estampas e cores complementares”.

As últimas do Donna
Comente

Hot no Donna