Livro conta história de maquiador que enganou uma das grifes mais famosas do mundo

Michael Tonello burlou a fila para comprar uma das bolsas mais disputadas entre as fashionistas

Foto: Divulgação

Em livro recém-lançado o americano Michael Tonello conta como se tornou revendedor de uma das bolsas mais cobiçadas pelas fashionistas. Se nas lojas da Hermés é preciso entrar na fila para comprar o famoso modelo Birkin, com ele a entrega era quase imediata. O esquema durou anos até que sua estratégia foi descoberta pela grife.

Tonello, que era maquiador e cabelereiro, viu no desespero das mulheres para comprar uma Birkin a chance de ganhar algum dinheiro. No livro Como Entrei na Lista Negra da Hermès, ele conta que percorreu lojas em todos os continentes à procura da bolsa, que custa mais de US$ 50 mil. Comprando e revendendo para as ansiosas em ter uma Birkin sem entrar na fila de espera, ele ganhou mais de US$ 1 milhão em apenas um ano.

A Birkin é uma das bolsas mais exclusivas do mundo e foi batizada em homenagem à atriz Jane Birkin. O processo de confecção é todo manual e conta com rígido controle de qualidade.

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna