O conto de fadas invade a Fashion Week de Milão

Se na semana passada falei das princesas destruídas da semana de moda inglesa, talvez essa coluna seja um alívio pra quem adora o classicismo e a pompa que toda realeza carrega, nem que seja nos livros e nos sobrenomes. Eis que durante a Fashion Week de Milão apareceram princesas de contos de fadas que todos nós conhecemos.

Ousadia é a ótima ideia da dupla Dolce & Gabbana que desfilou looks com estampas, bordados e símbolos das telonas como Cinderela e Branca de Neve e até do conto O Quebra Nozes, adaptado por Alexandre Dumas em francês, antes de se transformar numa das obras mais reconhecidas do balé, na criação de Tchaikovsky, na época da Russia Imperial.

Leia também:
:: As principais tendências da Semana de Moda em Londres
:: Cadarço aparece em coleções de grandes marcas

Sapatinho de Cristal Dolce & Gabbana

Sapatinho de Cristal Dolce & Gabbana

Tecidos ricos como veludo e brocados se destacaram demais nessa e em outras coleções com ares de renascimento modernoso, um dos temas propostos pela Gucci. Ombros avantajados à la anos 80 são a versão do outono/inverno dos decotes ombro a ombro, tendência do verão. Faz total sentido essa transição, mesmo que essa nomenclatura que divide as estações quase não importe mais.

Look Gucci

Na Prada, o passar do tempo, a evolução e o mix dos hits da marca formam juntos a imagem de uma mulher que viaja não só pelo mundo, mas como em seu eu infinito particular. É muito simbolismo e o resultado de uma boa análise dos arquivos da grife e do estado atual da sociedade.

PRADA (divulgação Monica Feudi )

Chamou atenção: o uso do nylon, os corsets e os penduricalhos como livros e chaves que fazem alusão a descobertas e histórias que já foram e ainda estão por vir.

Que assim seja!

:: Leia todas as colunas anteriores de Luis Felipe di Mare

Leia mais
Comente

Hot no Donna