Modelo baiana é a primeira negra a vencer o Supermodel of the World Brasil

(Foto: Andre Arthur, Divulgação Ford)
(Foto: Andre Arthur, Divulgação Ford)

Em um ano em que as mulheres negras ganharam mais protagonismo e levantaram o debate sobre o racismo no Brasil, uma modelo negra venceu pela primeira vez um dos principais concursos que revelam novos rostos para as passarelas do país. A conquista da baiana Ana Flavia Santos, 20 anos no Supermodel of the World Brasil 2016, no último sábado, repercutiu nas redes sociais. Em sua 24ª edição, o evento também revelou o carioca Gustavo Foly, 16 anos, vencedor entre os homens. Em outubro, a paranaense Raissa Santana se tornou a segunda negra a vencer o Miss Brasil.

Ana Flavia durante o desfile (Foto: Cezar Novais, Divulgação Ford)

Ana Flavia durante o desfile (Foto: Cezar Novais, Divulgação Ford)

A atriz Taís Araújo celebrou a conquista de Ana Flavia em um post no Instagram nesta quarta-feira. A publicação já teve mais de 30 mil curtidas e centenas de comentários elogiando a beleza da baiana.

(Foto: Reprodução, Instagram)

(Foto: Reprodução, Instagram)

O concurso promovido pela Ford Models Brasil já revelou nomes como Adriana Lima, Camila Queiroz, Evandro Soldati, Isabella Fiorentino e Mariana Weickert e é considerado uma das principais portas para o mercado nacional e internacional da moda.

Os vencedores Ana Flavia e Gustavo Foly (Foto: Cezar Novais, Divulgação Ford)

Os vencedores Ana Flavia e Gustavo Foly (Foto: Cezar Novais, Divulgação Ford)

Criada do bairro de Mussurunga, na periferia de Salvador, a modelo de 1,79m era a única negra e nordestina no final do concurso. Como prêmio, Ana Flavia ganhou um contrato de quatro anos, no valor de R$ 150 mil, com a Ford Models.

Leia mais:
:: Empoderamento e feminismo negro: três mulheres compartilham histórias de vida
:: Entrevista! Blogueira Luiza Brasil fala sobre ativismo e as pautas do feminismo negro
:: Beleza negra: especialistas indicam cuidados com a pele negra e o cabelo afro

Leia mais
Comente

Hot no Donna