Quer comprar em brechós? Veja dicas certeiras para garimpar com estilo e responsabilidade

Foto: Pexels
Foto: Pexels

A importância da consciência social e ambiental é cada vez mais reconhecida. No quesito moda, tanto a indústria quanto os consumidores têm adequado seus hábitos a essa nova e importante realidade.

Com essa evolução, compras em brechós viraram hábito, não só de quem sempre adorou o estilo vintage, mas também tornou-se uma bela alternativa para as pessoas que estão explorando novas formas de consumo e não abrem mão de imprimir sua personalidade nos looks diários com estilo e responsabilidade.

Além das vantagens acima, comprar em brechó é um ótimo exercício para aprimorar seu gosto pessoal e acrescentar peças únicas e de qualidade ao seu dia a dia.

Foto: Pexels

Foto: Pexels

Pensando nisso, separei dicas valiosas para quem quer começar a se aventurar nas araras de segunda mão. Confira:

Não tenha preconceito

Tesouros se encontram em qualquer lugar com paciência e disposição. Claro que um brechó em uma área chique da cidade vai ter mais variedade de peças de luxo, mas não esqueça que os preços altos também acompanham! Portanto, não se limite, visite, sim, os mais badalados, mas vá além dos nomes famosos e vasculhe por aí.

Foto: Pexels

Foto: Pexels

Aprenda o que você pode ou não consertar

Um das principais equívocos dos iniciantes é se encantar com os preços baixos e a variedade e comprar peças que precisam ser alteradas. É claro que algumas que exigem pequenos reparos, como uma parte descosturada, uma lavagem mais cuidadosa ou um sapato em estado ótimo que é só trocar o solado, valem a pena. Já manchas ou odores de suor, buracos de traça ou bordados desgastados com o tempo, não são fáceis de resolver. A indústria de tecidos evoluiu muito, então peças 100% poliéster bem populares nas décadas de 1960 e 1970 também não são as melhores opções.

Busque o clássico

A moda é cíclica e tendências sempre voltam, mas existem peças atemporais que funcionam independente da época. Talvez seja difícil encontrar o vestido com o tipo de estampa floral que você anda desejando, mas um bom jeans Levi’s é presença confirmada, assim como casacos de inverno e trench coats, elementos sempre atuais e que farão toda diferença no seu armário. Antigamente, a demanda por lançamentos frequentes era menor, permitindo que as peças fossem produzidas de forma mais cuidadosa e priorizando a durabilidade, por isso vale muito procurar por esse tipo de achado.

Foto: Pexels

Foto: Pexels

Descubra os melhores dias e horários para garimpar

Depois que você tiver encontrado suas lojas favoritas no segmento, pergunte quando eles costumam receber novos itens. Alguns lugares são melhores de visitar no sábado de tarde, já que muitas pessoas levam peças para vender no período da manhã durante o fim de semana. Já outros brechós compensam mais durante a semana, quando estão menos lotadas e permitem que você compre com mais calma e consiga explorar melhor as araras.

Aposte nos acessórios

Se a ideia de peças usadas não faz muito a sua cabeça, não deixe de dar uma olhada nos acessórios, afinal, eles têm o poder de elevar e dar acabamento a todo tipo de composição. Brincos, cintos e bolsas são meus itens favoritos de garimpar. Dá para encontrar bolsas vintage de marcas famosas custando menos da metade que em uma loja de shopping. Basta pesquisar bem se o modelo é verdadeiro. Quem adora um look chamativo, vai adorar tudo da década de 1980! Procure por brincos maxi e detalhes de corrente.

Foto: Pexels

Foto: Pexels

Divirta-se e experimente

A moda deve ser encarada como forma de expressão e um instrumento para comunicarmos quem somos ou gostaríamos de ser. Comprar vintage permite gastar menos e não estimula um mercado já saturado. É uma forma de você encontrar opções para deixar seus looks com a sua cara, única e especial.

Leia mais:
:: Barato e sustentável: 10 brechós gaúchos incríveis para conhecer já
:: Estilo vintage: inspire-se em editorial com peças de brechó
:: Consumo consciente: 4 dicas para comprar em brechós
:: Fashionista por menos: um guia para você ficar na moda comprando em brechós, liquidações ou alugando

 

Leia mais
Comente

Hot no Donna