Pode brincar com comida, sim! Mãe transforma alimentos em personagens infantis

Ursinho panda com seu bambu, prato divertido que conquista | Foto: Bento Monsters
Ursinho panda com seu bambu, prato divertido que conquista | Foto: Bento Monsters

Uma dona de casa de Cingapura usa a imaginação para amenizar a dificuldade de seus filhos irem para a escola. Sempre muito tristes e chorosos, Ivan e Lucas ganharam, e ganham todos os dias, mimos divertidos e saborosos que os incentivam a estudar e encontrar os colegas.

A dupla Mario e Luigi reproduzida em bonequinhos feitos de arros | Foto: Bento Monster Blog

A dupla Mario e Luigi reproduzida em bonequinhos feitos de arros | Foto: Bento Monster Blog

Criada em uma família sem regras rígidas, Li Ming sempre gostou de brincar com a comida. Entre misturas e desenhos, quando mão, ela se viu em um mundo completamente diferente. Aos 38 anos, a asiática capricha nos charabens, como são chamados os desenhos feitos com alimentos.

Segundo ela, a inspiração vem, principalmente, das ruas e da televisão. Há pouco tempo, os pedidos dos filhos começaram a também comandar a produção. São cerca de seis novos pratos por semana, que já totalizam mais de 100 criações.

:: 8 lugares para visitar com as crianças em Porto Alegre
:: Lupita Nyong’o na Vila Sésamo? Sim! Musa quer ensinar crianças a se amarem

“Comecei a fazer charabens porque o Ivan chorava todos os dias para ir à escola. Fazia personagens com mensagens para ele se sentir mais seguro. Foi então que Lucas pediu para que eu fizesse um para ele levar também. Acabou gostando tanto da atenção que recebia de colegas e professores, que ainda não quis parar”, disse a “artista” ao Daily Mail.

Montagem 1

A mãe acredita que tamanha liberdade com alimentos surgiu na própria infância | Foto: Bento Monster Blog

Além do blog Bento Monsters, que alimenta quase que diariamente, Li ainda está trabalhando no projeto de um livro com suas melhores e mais fofas receitas. Além do lanche dos meninos, os pratos foram incorporados no almoço e no jantar, criando uma constante expectativa nas crianças.

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna