Acampamento de férias pode trazer independência para a gurizada

Ficar longe dos pais é oportunidade de aprenser a seguir regras

Um adulto de plantão ajuda a entreter as crianças enquanto os pais trabalham fora
Um adulto de plantão ajuda a entreter as crianças enquanto os pais trabalham fora Foto: Sxc.hu

Férias pode ser um oportunidade de testas a independência das crianças. Ao viajarem sem os pais, a garotada aprende a cumprir obrigações com colegas de quarto, monitores e a seguir regras. Especialistas garantem que deixar crianças e adolescentes viajarem sozinhos e em grupo estimula a independência, preparando-os para o futuro.

? Participar de acampamentos e de viagens de estudo possibilita e favorece o desenvolvimento da autonomia e da independência das crianças. Para muitos é a primeira oportunidade de resolverem situações-problemas sozinhos, fazerem escolhas longe da supervisão dos pais, assim como cuidar e se responsabilizar pelos seus pertences. O distanciamento dos pais favorece a autoestima da criança e do adolescente, pois o sentimento de dar conta sozinho é fundamental para o desenvolvimento do ser humano ? explica a coordenadora pedagógica Janice Carneiro de Pontes.

Mas não é difícil imaginar que os pais, ainda que se esforcem, não tenham como acompanhar a criança, o adolescente e os jovens durante 24 horas por dia, todos os dias do ano.

? Eles devem permitir que os filhos comecem passando fins de semana com avós, tios, casa de amigos, para depois ter a segurança de participar de acampamentos e de viagens de estudo com outros colegas. Dessa forma, o processo de adaptação se torna gradativo e ajuda os pais a adquirirem a confiança necessária no processo de crescimento e de independência dos seus filhos ? completa Janice.

Viajar sozinho também ajuda a criança ou o adolescente a administrar o seu próprio dinheiro e, dependendo do acampamento ou do destino, realizar atividades que estimulem o conhecimento e a convivência com outras pessoas.

Leia mais
Comente

Hot no Donna