Amanda Bynes é internada para avaliação psiquiátrica após iniciar incêndio

Atriz já havia sido presa por porte de drogas no início do mês

A atriz no filme "Ela é o Cara", de 2006
A atriz no filme "Ela é o Cara", de 2006 Foto: Divulgação

Depois de ser acusada de começar um incêndio na calçada de uma garagem no sul da Califórnia, nos Estados Unidos, a atriz Amanda Bynes, 27, foi internada para avaliação psiquiátrica.

Segundo o site da FOX News, ela foi enquadrada no quadro 5150, que determina a internação involuntária de pessoas que representem um perigo para si ou para os outros. É o mesmo bloqueio em que Britney Spears foi colocada em 2008, quando perdeu a guarda dos filhos Sean Preston e Jayden James. A lei do estado da Califórnia permite que uma pessoa possa ser detida paara avaliação de seu estado mental por até 72 horas.

O incidente aconteceu na segunda-feira, quando uma idosa chamou a polícia após flagrar a atriz queimando algumas roupas na garagem de sua casa. Ao chegar, a polícia encontrou Amanda ao lado da pequena fogueira e de um tambor de gasolina.

Famosa por filmes adolescentes como Tudo Que uma Garota Quer (2003) e Ela é o Cara (2006), ela vem enfrentando problemas seguidos com a lei.

No início do mês, a polícia foi chamada ao prédio em que a atriz mora, em Manhattan, porque ela estaria fumando maconha na entrada do prédio. Ao se deparar com as autoridades, Amanda teria jogado um bong, espécie de cachimbo para fumar ervas, da janela de seu apartamento, no 36º andar. Ela foi presa por porte de drogas e conduta imprudente com a polícia.

As últimas do Donna
Comente

Hot no Donna