Barraco de Sorocaba: traição tem que se tornar pública? Especialistas opinam

Mulher que investigou a infidelidade do marido acredita que esconder o fato é hipocrisia

Vídeo que mostra a briga das amigas virou sucesso na internet há poucas semanas
Vídeo que mostra a briga das amigas virou sucesso na internet há poucas semanas Foto: Reprodução, YouTube

O mês de julho ficou marcado na internet brasileira por um hit acidental: o chamado “barraco de Sorocaba” expôs a intimidade de dois casais ao revelar um caso de infidelidade ocorrido na cidade.

A descoberta da traição do marido, Cícero, motivou a advogada Vivian Oliveira a colocar em seu perfil em uma rede social um vídeo com quase 10 minutos de acerto de contas com sua até então melhor amiga, Juliana Cordeiro. Das 800 pessoas que tiveram acesso ao vídeo, uma delas “vazou” para o YouTube o link e o bate-boca das comadres virou hit na internet.

Com milhares de acessos, o vídeo motivou polêmicas em relação às declarações dos envolvidos quando contatados pela imprensa. Os sites G1 e Fantástico ouviram Vivian e Cícero em ocasiões separadas comentando o fato. O outro casal envolvido não deu declarações sobre o ocorrido.

Em entrevistas, Vivian justificou que a infidelidade conjugal precisa se tornar pública. Há uma hipocrisia, segundo ela, em guardar segredo sobre a traição de uma pessoa.

:: OPINE – O que você acha deste assunto?

Nossos consultores virtuais de Donna ZH – a psicóloga Carla Melani, da seção Terapeuta Virtual, e Dr. Carrion, do consultório Dúvidas entre Lençóis – recebem semanalmente dezenas de perguntas de relacionamento, sendo que boa parte refere-se justamente a questões de infidelidade.

A advogada Vivian afirmou que sua vingança foi “fria”, já que esperou a situação ideal para confrontar a melhor amiga. O resultado desse confronto, porém, ultrapassou a expectativa da esposa ao atingir tamanha repercussão na internet. Para o psiquiatra Carlos Carrion, faltou para Vivian deixar a cabeça esfriar ainda mais.

– É impossível alguém reagir friamente a uma descoberta de traição, mas existem diversos tipos de reação. Talvez a esposa pudesse ter pensando em algo que a ajudasse a por sua raiva para fora sem se machucar, como acabou acontecendo – opina.

Para a psicóloga Carla Melani, a exposição pública dos envolvidos no barraco gera muita curiosidade, já que vivemos numa “sociedade vinculada ao poder de espetáculo”, especialmente os da vida alheia. Chama a atenção das mulheres, principalmente, o fator “planejamento”, já que Vivian esperou ter certeza do que estava ocorrendo antes de tentar desmascarar os amantes.

– Documentar esse ato investigativo como ela fez (foram meses colecionando centenas de emails e seguindo o marido) é também um recurso especulativo, o famoso “saber como foi”, “ir atrás da verdade”, e isso talvez seja muito mais do universo feminino. Muitas mulheres mandaram depoimentos dizendo se sentir vingadas também vendo as cenas expostas, como se essa mulher tivesse realizado a fantasia de tantas outras que não conseguiram fazê-lo na sua vida ou que pensam no que fariam se fosse na sua casa.

Outro tópico muito comentado após a veiculação das entrevistas com Vivian e Cícero foi a beleza dos envolvidos na história. Vivian e Juliana são duas loiras muito bonitas, enquanto Cícero foi acusado de ser feio por centenas de internautas que comentam o fato nas redes sociais. Ao Canal F do Fantástico, ele disse que não se considera feio e que nunca foi rejeitado.

– A questão da beleza gera observações completamente pessoais. Talvez isso possa tocar na fantasia de muitos que vivem inseridos na cobrança social estética. No entanto, passa a impressão de que ele tem certeza do seu “poder” – afirma Carla.

A auto-confiança não estaria, portanto, relacionado à beleza, e sim à masculinidade e poder de sedução, algo que está expressado quando ele alerta os demais maridos, por exemplo, de como devem cuidar das suas mulheres para que isso não aconteça.

– Pode o cara ser feio, mas sabe que algo de bom ele tem e usa isto. Se fosse só para se reafirmar, ele mesmo se encarregaria de divulgar o fato – opina Dr. Carrion, completando: – A conclusão é que tudo que existe na Terra um dia aparece. E que quem não cuida da jarra de barro um dia acaba com ela quebrada.

:: Dê sua opinião sobre este assunto no mural do DonnaZH

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna