Bullying: “Não se pode negar o lado agressivo das pessoas”, diz psicóloga

Especialista comenta que a reflexão sobre o assunto deve ser mais frequente

Sidney Sampaio desfilou no 1º NH Fashion Day, em Novo Hamburgo
Sidney Sampaio desfilou no 1º NH Fashion Day, em Novo Hamburgo Foto: Fábio Winter, Divulgação

O termo “bullying” tem sua origem no termo inglês que significa intimidar. Hoje é usado para descrever a vitimização de uma pessoa por outra, com o intuito de demonstrar seu poder, através de agressões físicas ou verbais. De acordo com a psicóloga Ana Cássia Maturano, esse “é um fenômeno antigo, que está presente em todas as relações sociais”. Mas é nas escolas que o Bullying fica mais evidente.

Apelidos maldosos são o exemplo mais emblemático do problema, que atinge crianças e jovens com características mais frágeis como ser tímido ou apresentar algum aspecto físico marcante, explica Ana Cássia.

O fato é que pais e professores muitas vezes não sabem como lidar com o problema ou simplesmente ignoram-no, perdendo a oportunidade de resolvê-lo. Boa parte das vezes, atitudes consideradas inadequadas são reprimidas duramente, sem que haja uma reflexão sobre o que motivou a agressão.

– O ser humano tem um lado agressivo e negá-lo ou colocá-lo no fundo de um poço não impedirá sua manifestação – afirma a especialista.

Aqueles que estudam o assunto defendem iniciativas de prevenção dentro do ambiente escolar. Ou seja, discutir abertamente o assunto para que os alunos entendam a dimensão de suas atitudes em relação a si próprios e aos colegas. É preciso promover a reflexão sobre o outro, considerando-o parte de um mesmo universo e dotado de sentimentos. Isso faz parte do processo de formação crítica e social dos alunos e é um papel tanto da instituição de ensino quanto dos familiares.

– As duas partes (escola e família) devem ajudar os jovens a se construir como pessoas, não só no que aprendem, mas como agem – defende Ana Cássia..

Fonte: Ana Cássia Maturano, psicóloga clínica em São Paulo

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna