Chocolate não influencia no surgimento de acne, dizem dermatologistas

A crença de que chocolate causa acne não passa de mito

O consumo excessivo de alimentos gordurosos pode fazer com que a acne aumente bem pouco
O consumo excessivo de alimentos gordurosos pode fazer com que a acne aumente bem pouco Foto: Agência O Globo

Os prazeres da Páscoa deixam muitas mulheres preocupadas com a boa forma e a pele. Mas, de acordo com dermatologistas, a crença de que chocolate causa acne não passa de mito, não havendo comprovação científica da relação entre o que comemos e o aparecimento de espinhas. Por outro lado, nosso estado psicológico influencia o aparecimento deste tipo de lesão, afirmam especialistas. Então, a dica é relaxar e preservar a beleza da sua pele.

— O que ingerimos não influencia a composição de gordura da pele — explica David Azulay, presidente da Sociedade Brasileira de Dermatologia no Rio de Janeiro. — Mas a acne, assim como muitas doenças na Dermatologia, é fortemente influenciada por fatores psicológicos. As pessoas que acreditam que esses alimentos causam espinhas, de fato, têm chances de desenvolver lesões.

Azulay diz que, quando seus pacientes insistem em temer que o consumo de chocolate resulte em acne, ele recomenda até que não comam, para que o psicológico não faça o medo se concretizar.

Agora, se você, além de preocupada, é compulsiva por chocolate, tem a pele oleosa e já com acne, pode ser que uma ou outra espinha surja nesse período pós-Semana Santa, segundo a dermatologista Daniela Nunes, da Slim Clinique. Para ela, em pessoas com este tipo de pele, o consumo excessivo de alimentos gordurosos pode fazer com que a acne aumente bem pouco. Apesar de concordar que não há comprovação científica, a médica afirma que a observação dos quadros de alguns pacientes é o que baseia a ressalva. Nada preocupante, ela garante:

— Mesmo nesses pacientes, pode aparecer uma ou outra acone. Não seria um quadro para tratamento.

Uma dica é dar preferência ao chocolate amargo ou meio amargo. Com menos leite, este tipo é menos gorduroso. Já quanto mais amanteigado for o chocolate, mais gorduroso ele será. Além disso, alguns estudos mostram que a grande concentração de cacau nos tipos amargo ou meio amargo pode ajudar a prevenir doenças cardíacas e aumentar a sensação de saciedade, fazendo com que comamos menos doces. Neste caso, esta pode ser a estratégia para quem também está preocupada com a boa forma .

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna