Cientista britânica revela ser prostituta blogueira

Brooke Magnanti manteve identidade em segredo por 6 anos

Blog levantou quesionamentos sobre veracidade dos relatos
Blog levantou quesionamentos sobre veracidade dos relatos Foto: Reprodução

Uma cientista britânica revelou ser a autora de um blog, transformado em livro e série de tv, em que relata a vida de uma prostituta.

A cientista escreveu sob o pseudônimo de Belle de Jour, que refere-se ao filme de 1967 do espanhol Luis Buñuel. Na película, uma dona de casa, interpretada por Catherine Deneuve, trabalha secretamente como uma prostituta durante o dia.

O nome verdadeiro da blogueira é Brooke Magnanti. Ela escolheu revelar sua identidade porque temia que um ex-namorado a desmascarasse, segundo o Sunday Times.

Brooke, 34, começou a se prostituir em 2003, quando terminou seu doutorado, e trabalhou na função por mais de um ano, disse o jornal. Atualmente, é pesquisadora de Saúde Infantil na Universidade de Bristol, oeste da Inglaterra.

Ela redigia sobre sua experiência como “Belle de Jour”, uma secretária que trabalha de noite como prostituta. A partir do blog surgiram três livros e a série de TV Secret Diary of a Call Girl, transmitida em horário nobre nos EUA.

No entanto, surgiu um debate a respeito de a autora ser real ou fictícia, e alguns acusaram a Bele de Jour de mostrar a prostituição como um trabalho atrativo e refinado.

A cientista postou em seu blog no último domingo que se sentia aliviada de poder defender sua experiência no mercado do sexo diante de todos os céticos.

Ela acrescentou que seus colegas pesquisadores haviam sido incrivelmente amáveis e compreensivos ao saber da verdade. A universidade, por sua vez, disse que o passado de Brooke não era relevante para seu trabalho atual.

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna