Coleta do leite materno aumenta o tempo da amamentação

Coletar e armazenar o leite pode ser a saída para voltar à rotina profissional sem prejudicar a saúde do bebê

Foto: Divulgação

Quando chega a hora de retornar ao trabalho após o período de licença-materninade muitas mães ficam preocupadas com a suspensão temporária da amamentação. Nem sempre é possível organizar um cronograma que permita fazer uma pausa para dar de mamar ao bebê. A coleta do leite, feita ainda em casa e com segurança, pode ajudar nestes casos. A mãe sai de casa para o trabalho, mas o filho segue sendo alimentado com aquele que é considerado o alimento mais completo e equilibrado para bebês.

Segundo o Ministério da Saúde, o leite materno pode ser guardado com segurança na geladeira por até 24 horas depois da coleta. Se armazenado em um freezer, pode durar até 15 dias. É fundamental, no entanto, odebecer aos critérios de armazenamento. Todos os utensílios plásticos usados para guardar o leite devem ser livres de Bisfenol A, um composto químico que pode ser encontrado no plástico e que pode ser prejudicial quando ocorre o aquecimento ou resfriamento das mamadeiras. 
 
O processo de coleta também pede cuidados. A mãe precisa lavar bem as mãos, ter cuidado com as fissuras, não lavar os seios em excesso e evitar o uso de sabonetes que ressecam a pele.

Leia mais
Comente

Hot no Donna