Conheça algumas das melhores opções de festas de réveillon em Santa Catarina

O Ano-Novo promete chegar para todos: quem for para as avenidas, bancar camarote de festas ou relaxar

Queimas de fogos devem surpreender neste ano
Queimas de fogos devem surpreender neste ano Foto: Rafaela Martins

Quem não tiver dinheiro para gas­tar não precisa se preocupar: o ano promete virar de qualquer maneira. Para quem tirar muito, pouco ou nenhum dinheiro da conta bancária, o céu é igualmente o limite – e tem inclusive show de fogos bem maior onde as festas das prefeituras, gratuitas, são promovidas.

Onde o réveillon é pago, geralmente dá para brincar de comer melhor, recarregar copos e taças apenas esticando o braço, escutar bons DJs nacionais ou planetários e esperar pela primeira manhã do ano esparramado em tendas indonésias.

Nada que não se possa reproduzir ou pelo menos adaptar ao seu gosto. O importante é se sentir à vontade para não entrar em 2011 contrariado, com cara de quem preferia estar em 1998. Você pode não querer nada mais que o seu pedaço de praia, a companhia das pessoas que curte, o seu som – ou a aglomeração empolgante nas principais avenidas das cidades.

Se preferir mesmo alguma festa paga e puder bancá-la, você está feito: elas não param de se multiplicar. Há muito mais festas de Ano-Novo com o combo deque à beira-mar + alta gastronomia + gente muy guapa do que há cinco viradas.

Para contemplar todos os casos, a Revista de Verão separou 29 boas opções de réveillon.

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna