Curso de mecânica na Capital ajuda a desmistificar o carro para as mulheres

Aula para cerca de 140 mulheres foi ministrada na semana passada
Aula para cerca de 140 mulheres foi ministrada na semana passada Foto: Mauro Vieira

Cada vez mais presente no universo feminino, o carro ainda é considerado um bicho de sete cabeças para a maioria das mulheres. Muitas vezes, elas se sentem enroladas na hora de mandar o veículo para o conserto por não entenderem de questões básicas de mecânica.

Para acabar com o estigma da rebimboca da parafuseta que assombra o público feminino, a pilota do Rally dos Sertões Helena Deyama esteve na Capital para ministrar um curso oferecido pela Goodyear em parceria com a revenda Bellenzier Pneus.

— O objetivo é falar de mulher para mulher de um assunto considerado masculino. Apesar de ser um curso básico, é muito importante conhecer o funcionamento de um veículo para evitar problemas e acabar com essa história de que mulher só é boa atrás do fogão — afirmou a pilota, que nunca bateu o carro na cidade e admitiu ter aprendido sobre mecânica na marra em seus 11 anos de competições.

Em três horas de curso, cerca de 140 mulheres aprenderam nome de peças e noções básicas de mecânica. Apesar de não colocar a mão na graxa, elas aprenderam detalhes sobre sistema de freios, funcionamento do motor e dicas para o dia a dia, como calibragem e ícones do painel.

— As perguntas são as mais variadas. Normalmente, elas questionam sobre situações que já enfrentaram, como por que o freio não funciona direito mesmo quando o mecânico afirma não ter problema ou se pode misturar gasolina e álcool nos carros com motor flex — relatou Helena, que já ministrou 21 cursos para mulheres em todo o país.

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna