Donaldo Schüler fala sobre amor

Filósofo pensa o amor e o sentido da vida

Filósofo, escritor e tradutor, Donaldo Schüler explica as origens do amor e sugere temas para discussão sobre o sentido da vida
Filósofo, escritor e tradutor, Donaldo Schüler explica as origens do amor e sugere temas para discussão sobre o sentido da vida Foto: Adriana Franciosi, bd

Homem de obras e ideias incensadas no país, Donaldo Schüler, 76 anos, acaba de viver mais uma estreia na carreira. Está em cartaz, até amanhã, com direção de Luciano Alabarse, o espetáculo Platão Dois em Um. A encenação é composta por duas peças do filósofo grego, Geórgias: Discurso sobre a Retórica e O Banquete. Esta última, obra em que Platão trata do amor (Eros), tem a marca do professor Donaldo. Ele assina a adaptação do texto. É a primeira vez que este experiente e reconhecido profissional – Patrono da Feira do Livro, Fato Literário – trabalha para o teatro.

Donaldo Schüler, catarinense radicado em Porto Alegre, casado, pai de quatro filhos, enfileira créditos. É poeta, tradutor respeitadíssimo de James Joyce, romancista, ensaísta, professor de filosofia e de grego e também consultor do projeto Fronteiras Braskem do Pensamento.

Na próxima quinta-feira, mais novidades. Donaldo lança Fronteiras e Confrontos, livro em que alinhava ao seu modo os temas apresentados nas conferências realizadas em Porto Alegre no ano passado.

Em pleno fim de semana do Dia dos Namorados, professor Donaldo aceitou pensar o amor. Pensar o desejo. Pensar o sentido da vida. Enfim, pensar. Com a palavra, o mestre.

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna