Donos de cães e gatos têm características diferentes: qual é a sua turma?

Veterinária realizou pesquisa e listou itens sobre os donos dos mascotes

Embate clássico entre cães e gatos não fica restrito aos desenhos animados
Embate clássico entre cães e gatos não fica restrito aos desenhos animados Foto: Stock Photos

O embate clássico entre cães e gatos não fica restrito aos desenhos animados. Quando chega a hora de defender os bichos, os donos têm, na ponta da língua, os motivos que os fazem amar os seus e querer distância da outra espécie. Sem que eles percebam, os animais de estimação acabam influenciando o jeito de agir e reagir do dono, emprestando-lhes características que separam os criadores de caninos e de felinos.

? A personalidade dos animais e daqueles que os criam estão conectadas. Vão se estabelecer diferentes qualidades de relacionamento de acordo com a afinidade que cada um sente por determinada espécie ? garante a veterinária Ceres Berger Faraco, especialista em interação humano-animal e presidente da Associação Médico Veterinária Brasileira de Bem-Estar Animal (Amvebbea). Para ela, pessoas com maior afinidade por cães, por exemplo, podem até criar gatos, mas a comunicação entre o dono e o bichano não será a mesma.

Até mesmo porque, afirma a veterinária, as expectativas criadas para cada bicho de estimação são diferentes. A estudante de artes cênicas Mikaella Dias, 19 anos, mora sozinha e tem como companheira uma gata, batizada de Noite. Apesar de ter criado diversos animais na infância ? já teve cachorro, papagaio e coelho ?, foram os felinos que mais a cativaram.

? Os gatos têm um comportamento misterioso, só que mais sincero que o dos cachorros. Só chegam perto de quem realmente gostam ? acredita.

A personalidade forte dos gatos é definida pelo comportamento arisco deles ao preservar um espaço próprio. Essa foi uma das conclusões da veterinária Luciana Ribeiro Camargos em seu projeto de conclusão de curso na Universidade de Brasília (UnB). O objetivo da pesquisa era analisar o comportamento dos bichanos e sua interface com a personalidade dos donos.

? Aqueles que garantem não querer gatos rechaçam a personalidade independente deles. Enquanto os que criam gatos veem nessa independência um atributo positivo e primordial ? explica.

Para realizar a pesquisa, a veterinária entrevistou 240 clientes do Hospital Veterinário da UnB, entre donos de cães, de gatos e de ambos.

? Ainda existem muitos estereótipos sobre os felinos, especialmente entre aqueles que são donos de cachorros ? observou.

Entre os criadores de gatos, Luciana traçou algumas características que se repetem: eles são mais atenciosos quanto aos problemas de saúde do pet e mantêm-se mais informados sobre as necessidades dele.

A veterinária Ceres Berger Faraco frisa que os donos de cachorro, em sua maioria, são pessoas mais amistosas que os donos de gato. Isso se deve muito à capacidade da espécie canina em garantir uma troca imeditada de interação, o que faz com que seus criadores levem o mesmo comportamento para a vida particular.

Leia mais
>> Prepare a casa para receber um animalzinho
>> Como proteger o sofá de seu pet
>> Saiba como encarar uma viagem com seu amigo

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna