É preciso proteger a pele mesmo nos dias nublados

Se a queimadura foi inevitável, o jeito é saber como aliviar a dor

O resultado de um dia sem protetor na pele da argentina Lidia Fontericeta
O resultado de um dia sem protetor na pele da argentina Lidia Fontericeta Foto: Alan Pedro

Compartilhar

Lidia Fontericeta, 58 anos, saiu de Buenos Aires para aproveitar a praia de Balneário Camboriú, em Santa Catarina, mas não contava que o vacilo num dia nublado ia atrapalhar o passeio. No dia seguinte, o corpo inteiro estava todo vermelho e a argentina reclamava que ardia muito.

Ela disse que já era o segundo dia depois do pimentão e ainda sentia dor. Um pouco de alívio vinha quando se lambuzava de creme. O hidratante era aplicado em dose ainda maior antes de dormir.

A combinação com o ar-condicionado ligado no máximo permitia uma noite de sono quase tranquila. As queimaduras não impediram Lidia de frequentar a praia. Ela justifica que tem pouco tempo na cidade e garante que agora passa protetor solar constantemente.

A turista afirma que sempre se cuida, mas argumenta que foi iludida por um dia de nuvens. Pensou que não aconteceria nada e quando chegou em casa veio o espanto. Ao tirar o maiô, a diferença entre as marcas brancas e a vermelhidão da pele escancarou a situação. Desde então, os dias, para ela, têm sido complicados.

A presidente da Sociedade Catarinense de Dermatologia, Silvia Schmidt, ressalta que são essas queimaduras agudas que aumentam o risco de câncer de pele. Explica que os danos são muito maiores do que a exposição contínua. Veja no quadro algumas dicas da profissional para aliviar o sofrimento em caso de uma vermelhidão.

Dicas
– Banho de água fria e corrente no primeiro dia ajuda a diminuir a dor
– Evitar banhos quentes porque eles estimulam a sensação dolorosa
– Hidratante, muito hidratante. Pode ser creme comum para o corpo encontrado em farmácias e supermercados
– A pessoa pode recorrer a uma mistura usada antigamente para aliviar assaduras de bebês, a chamada pasta d’água. A receita é jogar água num recipiente, colocar maizena e mergulhar. Existe pasta d’água pronta à venda em farmácias.
– Quando a dor for muito intensa ou aparecer bolas deve ser consultado um médico. Ele vai avaliar a necessidade de receitar um anti-inflamatório.
– Se a pessoa quiser ir à praia nesse estado precisa usar uma camiseta e aplicar bloqueador solar constantemente.
– Jamais passar pasta de dente na pele queimada. Ainda tem gente que faz isso.

Leia mais
Comente

Hot no Donna