Em artigo, Madonna revela que já foi estuprada

Cantora contou que foi ameaçada com uma faca e atacada em seus primeiros anos morando em Nova York

Foto: Stephen Lovekin

Madonna fez uma confissão chocante sobre seus primeiros anos morando em Nova York. Revelou que foi estuprada sob a ameaça de uma faca em um texto assinado pela própria cantora na revista Harper’s Bazaar

Comentando o início da sua carreira, ela escreveu: “Nova York não foi tudo o que eu esperava. Não me recebeu de braços abertos. No primeiro ano, tive uma arma apontada para a minha cabeça. Fui estuprada no terraço de um prédio, para onde fui arrastada com uma faca nas minhas costas, e meu apartamento foi invadido três vezes. Não entendo; eu não tinha nada de valor depois que eles levaram meu rádio da primeira vez”.

Madonna chegou em Nova York em 1977, quando tinha 19 anos, para perseguir a carreira de atriz e cantora. Ela já havia mencionado algumas violências sofridas antes da fama, sem, no entanto, afirmar que havia sido vítima de estupro.

No texto, ela ainda comenta que não tinha amigas quando era jovem porque ela levava a rebeldia ao extremo. Ao invés de beber cerveja e fumar maconha, como todos os seus colegas, Madonna disse que “achava mais legal não depilar as pernas ou axilas. Por que Deus nos deu cabelos nessas regiões?”

“Deu tudo certo no fim, porque quando você não é popular e não tem uma vida social, isso lhe dá mais tempo para se concentrar no futuro. E, para mim, o futuro era ir para Nova York e me tornar uma verdadeira artista.”

As últimas do Donna
Comente

Hot no Donna