Encontro no Rio discute formas de incentivar o parto natural

Contrações musculares ocorrem mais nas épocas frias
Contrações musculares ocorrem mais nas épocas frias Foto: Divulgação, stock.xchng

A partir desta sexta-feira, ocorre no Rio o 19º Encontro de Gestação e Parto Natural Conscientes, que vai debater temas como “Cesarianas desnecessárias: um problema de saúde pública” e “Os segredos da mulher: liberando bloqueios para bem parir”. O evento vai de hoje a domingo, na UniRio. Médicos, psicólogos e diversos profissionais de saúde, do Brasil e do Exterior, estarão nos debates, que este ano têm como lema “Nascer com Simplicidade: um ritual de passagem”.

Um dos destaques é a participação de Naolí Vinaver, parteira mexicana especializada em parto domiciliar. Naoli tem três filhos nascidos em casa e há 20 anos trabalha com mulheres de todos os níveis econômicos e sociais.

A 19ª edição do encontro, que já se tornou referência no país, tem dois grandes objetivos: diminuir consideravelmente o número de cesarianas desnecessárias no país e, principalmente, reduzir a morbi-mortalidade materna e infantil. Dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) apontam uma realidade que precisa ser mudada. A OMS recomenda que o índice de cesárea seja entre 10 e 15%, mas o real percentual do Brasil chega a 84,5% na rede privada. Por isso, é essencial a mobilização de todos os envolvidos no assunto, como os casais grávidos e os profissionais de saúde.

Além das palestras, estão programadas oficinas e trabalhos corporais como shantala (massagem oriental para bebês) e yoga para gestantes, coordenadas pela professora Fadynha, idealizadora e organizadora do evento.

A programação completa (e inscrições) pode ser conferida no site do evento.

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna