Espetáculo Terça Insana chega com elenco renovado neste fim de semana, em Florianópolis

Esquetes humorísticas serão apresentadas sexta, sábado e domingo

Grace Gianoukas diz que Terça Insana fez uma "revolução no humor contemporâneo"
Grace Gianoukas diz que Terça Insana fez uma "revolução no humor contemporâneo" Foto: Priscila Prade

Uma década e mais de dois milhões de espectadores pelos teatros do Brasil. O humorístico Terça Insana retorna a Florianópolis neste final de semana, desta vez com elenco renovado, para apresentar o espetáculo Ano Dez.

O projeto que, há 10 anos é apresentado às terças-feiras na cidade de São Paulo, percorre o país e renova o time de atores a cada temporada. Depois de contar com Marco Luque, Marcelo Mansfield e Ângela Dip, agora será apresentado em Floripa com o “elenco dos sonhos” de Grace Gianoukas, a criadora e diretora do projeto.

Ela sobe ao palco ao lado de Agnes Zuliani, Mila Ribeiro, Arthur Kohl e Renato Caldas que, desde o ano passado, integram a trupe.

? Na última vez que me apresentei em Florianópolis, pouco antes do CIC ser fechado, o elenco era composto por uma garotada. Agora é um pessoal que tem um estilo de interpretação. Para entrar no elenco, o ator tem que ser alguém bem informado, ler e ter ideias originais ? comenta Grace.

Sucesso na internet

Apresentado em forma de esquetes humorísticas, a constante renovação de integrantes, textos e personagens foi a chave para o sucesso do espetáculo. Tamanha repercussão rendeu ao projeto dois DVDs, milhares de visualizações no YouTube e inspirou dezenas de grupos pelo país.

? O Terça Insana foi uma dádiva para mim. Quando decidi criá-lo, achava tudo uma caretice, tudo muito óbvio, muito igual. Aí decidi criar algo diferente, foi uma revolução no humor contemporâneo ? diz Grace.

Já passaram pelo projeto 19 atores e mais de 400 personagens. Só Grace possui cerca de 70 criações, que surgem das mais diferentes ideias, motivações e trocas com outros atores.

? Os personagens são muito humanos, retirados do cotidiano. Todo personagem tem uma mensagem, que faz um retrato da sociedade e traz uma reflexão de algo humano.

Humor inteligente

O grande sucesso fez com que o Terça Insana recebesse convites para ser levado à TV, mas Grace garante que não é esse o foco do projeto.

? A televisão não é arte, é só entretenimento, e tem aquela briga por audiência. No teatro posso testar coisas novas, testar a criatividade, posso arriscar linguagens e fazer um humor mais adulto. Temos respeito pela inteligência do público ? conta ela.

Para a atriz é essencial fazer referências na peça e, para isso, precisa de atores bem preparados. Literatura, filmes, peças, músicas e as mais variadas formas artísticas acabam sendo incorporadas.

Terça Insana fez escola inclusive no Estado

Para o final de semana em Florianópolis cada ator fará de três a quatro cenas, em formatos solo, em dupla ou em conjunto. Haverá personagens clássicos como Aline Dorel, Santa Paciência e a Senadora Biônica. E ainda cenas como O Avesso do Armário, em que uma mãe levanta a bandeira em prol da diversidade por ter um filho gay e ele acaba fazendo uma declaração surpreendente. E A Vida Secreta das Obras-primas, uma conversa entre as telas Monalisa, de Leonardo da Vinci, Venus, de Boticelli, e o autorretrato de Van Gogh.

Terça Insana acabou servindo de inspiração para diversos grupos teatrais no Brasil, que seguiram a fórmula de sucesso, como é o caso do catarinense Teatro de Quinta, que existe há sete anos.

? É uma grande responsabilidade servir de exemplo para os outros. Se somos exemplo é por que nosso trabalho se diferencia. Fico feliz de ser referência, mas é bom dizer para esses grupos inventarem e criarem sempre, e nunca copiarem algo.

Depois de 10 anos dedicando quase que integralmente sua vida profissional ao projeto, Grace não pensa em parar tão cedo com o Terça Insana. Para o final do ano, depois das comemorações, já está encaminhando novas surpresas. E quanto tempo mais o Terça vai durar? Nem ela sabe.

? Quero fazer até quando eu ainda tiver fôlego. Se parar, volto a ser garçonete ? diz ela, que garante ser atriz, autora e garçonete.

:: AGENDE-SE

O quê: Terça Insana – Ano Dez

Quando: sexta-feira e sábado, às 21h; e domingo, às 20h

Onde: Teatro Pedro Ivo (Rod. SC-401, Km 5, 4.600, Saco Grande, Florianópolis)

Quanto: ingressos de sexta e domingo a R$ 60 (inteira), R$ 30 (meia) e R$ 50

(Clube do Assinante); sábado a R$ 70 (inteira), R$ 35 (meia) e R$ 60 (Clube do Assinante). À venda nas bilheterias do Pedro Ivo, TAC, site www.blueticket.com.br e quiosque do Beiramar Shopping

Informações: (48) 3233-7229 e 3233-0170 

>>> Confira a versão completa do jornal aqui

Leia mais
Comente

Hot no Donna