Estado físico e psicológico de George Michael preocupa amigos

George Michael, em foto de fevereiro de 2008
George Michael, em foto de fevereiro de 2008 Foto: divulgação, abc

Os amigos de George Michael estão preocupados com o estado físico e psicológico do cantor britânico, declarou nesta terça-feira David Furnish, marido do músico e compositor inglês Elton John. Em entrevista à rede BBC, Furnish afirmou que são muitos os amigos comuns que telefonam e dizem que tanto ele quanto Elton “têm de fazer algo, porque George está em uma situação muito ruim”.

– Só estamos reagindo ao que os amigos mais íntimos dele estão nos dizendo. Muita gente está dizendo isso a nós. É algo que ouvimos com muita frequência – disse Furnish.

Os amigos de George Michael “nos dizem que estão preocupados com a saúde, o estado mental e o desânimo dele, e que, como Elton passou por isso e vive sóbrio há 19 anos, talvez tenha mais condições de ajudá-lo”, acrescentou.

Furnish fez estes comentários depois que, no último sábado, George Michael deu uma declaração sobre Elton John ao jornal The Guardian:

– Elton tem que seguir em frente com sua vida (…). Ele não ficará contente até que eu bata à sua porta no meio da noite dizendo “Por favor, por favor, ajude-me Elton, leve-me para a reabilitação”. Isso é algo que não vai acontecer.

O cantor britânico, de ascendência grega, admitiu publicamente que, no passado, se viciou em remédios e que fuma maconha com frequência – chegou a revelar que fumava 25 baseados por dia. Mas, na entrevista ao Guardian, Michael declarou que reduziu o consumo nos últimos tempos e que agora só fuma de “sete a oito (cigarros de maconha) por dia”.

À BBC, Furnish acrescentou “George tem que querer ser ajudado ” e que, “se quiser ajuda”, ele e Elton John não a negarão.

– Se não quiser, também é uma decisão dele, ou se acha que não precisa, tudo bem também – finalizou.

Leia mais
Vídeos recomendados
Comente

Hot no Donna